Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Rio tem 5 mortos e 12 feridos por balas perdidas em um dia

Loading...

GERAL

Rio tem 5 mortos e 12 feridos por balas perdidas em um dia

FELIPE DE OLIVEIRA
RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Nas últimas 24 horas no Rio cinco pessoas foram mortas e pelo menos 12 ficaram feridas por balas perdidas.
O caso mais grave ocorreu na madrugada desta sexta-feira (8) durante um confronto entre milicianos e traficantes no conjunto habitacional César Maia, no bairro de Vargem Pequena, na zona oeste da cidade.
De acordo com a polícia, quatro pessoas morreram e nove foram vítimas de balas pedidas na troca de tiros. Três pessoas foram baleadas quando estavam em um bar. Elas foram socorridas e levados para o hospital municipal Lourenço Jorge, mas morreram.
Duas outras vítimas foram levadas para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Taquara. Uma delas acabou não resistindo ao ferimento e morreu. A outra vítima, uma jovem de 18 anos, foi baleada na mão e não corre risco de morrer. As demais vítimas foram encaminhadas ao hospital municipal Lourenço Jorge.
A Divisão de Homicídios vai investigar o caso. Estão sendo feitas diligências por câmeras que possam ter flagrado a ação de bandidos e por testemunhas.
Durante a noite três homens suspeitos de terem participado dos confrontos foram detidos.
Outro caso de violência ocorreu na noite desta quinta-feira (7). Três suspeitos assaltaram um motorista na rua Santo Amaro, no bairro do Catete, na zona sul do Rio. Após o assalto a polícia foi acionada e localizou o veículo no centro da cidade, ao tentar abordá-lo houve um intensa troca de tiros com os criminosos.
Duas pessoas foram atingidas. Um pedestre que passava pelo local e uma mulher que estava dentro de um táxi foram baleados. As vítimas foram encaminhadas para o hospital municipal Souza Aguiar. Um menor suspeito de ter participado do crime foi detido após se ferir no confronto.
Já na manhã desta sexta-feira um homem morreu durante uma tentativa de assalto na avenida Brasil, na altura da Fiocruz, na zona norte da cidade.
A vítima foi atingida na cabeça após uma troca de tiros entre criminosos. Bandidos da comunidade Vila do João teriam atirado contra os criminosos que estariam realizando assaltos em um ponto de ônibus. Um das balas atingiu a vítima que estava dentro de um coletivo.
Em janeiro de 2015 a capital do Rio teve 114 homicídios registrados. Uma média de 3,8 por dia. Somente nas últimas 24 horas ocorreram cinco homicídios.
O início do ano foi violento até para policiais militares. Nos cinco primeiros dias do ano nove militares foram baleados. Oito foram feridos em serviço durante ataques de criminosos. Um foi atingido durante um assalto na região metropolitana do Rio.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 08/12

ÂNGELO RODRIGUES, 70 anos

CALIFÓRNIA
ENACIR MARIA CARDOSO, 53 anos

JANDAIA DO SUL 08/12

MARIA DO ROSARIO DE SOUZA BORGES, 50 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60