Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Acesso a praia de Noronha continua restrito após ataque de tubarão

Loading...

GERAL

Acesso a praia de Noronha continua restrito após ataque de tubarão

KLEBER NUNES
RECIFE, PE (FOLHAPRESS) - O acesso à baía do Sueste, em Fernando de Noronha (PE), continuará restrito até a próxima terça-feira (12). Desde o dia de Natal, atividades de lazer na praia, como banho e mergulho, são permitidas apenas entre 10h e 15h.
A praia foi interditada no dia 21 de dezembro, depois que o turista paranaense Márcio de Castro Palma da Silva, 32, foi atacado por um tubarão. O visitante perdeu a mão direita e parte do antebraço.
A fiscalização na baía continuará reforçada. Pelo menos quatro fiscais do Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio) -responsável pelo parque nacional marinho­ ficarão na areia orientando os banhistas e outro dois monitores acompanharão a movimentação dentro da água.
Nesta terça-feira (5), representantes do governo de Noronha e do ICMBio se reunirão com os guias do arquipélago. De acordo com a assessoria de imprensa do arquipélago, o objetivo do encontro é fazer um diagnóstico dos primeiros dez dias de restrição de entrada na baía do Sueste.
Engenheiros de pesca farão palestras, na segunda-feira (11), para os guias turísticos sobre o comportamento dos animais marinhos. Também na próxima semana, a administração de Noronha vai definir o modelo de placas educativas que serão instaladas nas praias do arquipélago. Os sinais irão alertar sobre a presença de tubarões e os cuidados a serem tomados pelos banhistas.
ATAQUE
Em entrevista à imprensa, o turista paranaense contou que já tinha feito um mergulho no local pouco antes de voltar à água, em uma área menos turva de aproximadamente dois metros de profundidade. O turista disse que foi então que percebeu a presença do tubarão, quando o animal já estava menos de um metro de distância.
“Só tenho que agradecer, é uma oportunidade de viver novamente”, disse, no dia 23 de dezembro, Palma da Silva. Ele conversou com a imprensa na Unidade III da Unimed, hospital particular da Ilha do Leite, área central do Recife, onde está internado
O tubarão, cuja espécie ainda é desconhecida, mordeu o braço direito do turista. Márcio recebeu os primeiros socorros na praia e, no dia seguinte ao ataque, viajou para o Recife, onde foi atendido no Hospital da Restauração.
Após passar por cirurgia no HR, ele foi transferido para o hospital da Unimed Recife, na Ilha do Leite, e recebeu alta no dia 30 de dezembro.
Este foi o primeiro ataque de tubarão registrado em Fernando de Noronha nos últimos 23 anos, quando começou o monitoramento. Em Pernambuco, entre o Cabo de Santo Agostinho, no litoral sul, e Paulista, no litoral norte, houve 61 ataques, com 24 mortes.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

ARAPONGAS 02/12

DAVI DE SOUZA, 54 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1881 · 30/11/2016

03 10 30 44 53 56