Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Grupo de homens armados invade sede de reserva nos EUA em protesto

Loading...

GERAL

Grupo de homens armados invade sede de reserva nos EUA em protesto

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um grupo de homens armados invadiu neste sábado (2) a sede de uma reserva federal no Estado do Oregon como parte de um protesto em apoio a dois fazendeiros condenados à prisão por causar um incêndio.
A ocupação ocorreu após um protesto nas ruas da cidade de Burns. O prédio, que é do governo federal, estava vazio no momento, por conta do feriado de fim de ano.
Ammon Bundy, 40, disse ao jornal local "The Oregonian" que ele e dois se seus irmãos estão entre as pessoas ocupando a sede da reserva florestal Malheur National Wildlife Refuge. Ele não quis dizer exatamente quantos fazem parte do grupo ou que tipo de armas portam para não prejudicar " a segurança operacional" da ação.
A ocupação é em apoio a Dwight Hammond, 73, e Steven Hammond, 46. Os dois foram condenados a três meses e um ano de prisão, respectivamente, por iniciar um incêndio que queimou 130 acres em 2001.
Eles alegam que o fogo era para reduzir o crescimento de plantas invasivas e proteger suas propriedades de incêndios florestais.
Um juiz determinou que as penas eram muito curtas em relação ao estipulado pela lei federal e ordenou que fossem estendidas para quatro anos cada uma. A decisão gerou controvérsia entre os grupos de extrema direita que veem o governo americano como muito invasivo e não reconhecem a sua autoridade.
Dwight disse que ele e seu filho planejam se entregar pacificamente para o cumprimento das penas nesta segunda-feira (4), como ordenado pelo juiz.
Bundy e um grupo de aliados de outros Estados chegou no mês passado a Burns, a cerca de cem quilômetros do rancho de Hammond.
Ele publicou um vídeo no Facebook criticando o julgamento dos fazendeiros e convocando outros homens a se unir ao protesto armado. "Todos os patriotas, é hora de se levantar e não ficar parado. Nós precisamos de sua ajuda. Venha preparado", dizia a descrição do vídeo em seu perfil.
Em entrevista a jornalistas na noite deste sábado, ele afirmou que as pessoas já sofreram abuso demais e que a condenação aos Hammonds é punição por se recusarem a venderem suas terras.
"Eu sinto que estamos em uma situação na qual, se não fizermos algo, se não nos defendermos, estaremos em uma posição na qual não poderemos mais fazê-lo", disse Bundy, acrescentando que o grupo pretende permanecer no prédio por tempo indeterminado. "Nós pretendemos ficar aqui por anos."
Já em entrevista à CNN neste domingo, Bundy disse que a invasão visa a forçar o governo federal a restaurar "os direitos constitucionais das pessoas".
"Esta reserva tem sido destrutiva para as pessoas do condado e para as pessoas da área", disse Bundy à CNN, acrescentando que o espaço destinado ao parque tomou espaço de cem ranchos desde o século 19. "Eles continuam expandindo o refúgio a custa dos rancheiros e dos mineiros."
Bundy é filho do fazendeiro de Nevada Cliven Bundy, que já esteve envolvido em controvérsia com as autoridades federais sobre as leis de Nevada para exploração de terra e conhecido no país por suas ações antigoverno. Cliven disse no sábado não ter qualquer envolvimento com a ação.
Dave Ward, xerife do Condado de Harney, onde fica Burns, pediu que os moradores permaneçam longe do prédio enquanto as autoridades tentam resolver o impasse.
"Um esforço coletivo de múltiplas agências está sob andamento. Por favor, mantenham uma frente pacífica e unida e nos permitam resolver a situação", disse o xerife, em comunicado.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

ARAPONGAS 02/12

DAVI DE SOUZA, 54 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1882 · 03/12/2016

09 10 19 35 37 41