Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Real Madrid é campeão da Supercopa em cima do Manchester United

Loading...

ESPORTES

Real Madrid é campeão da Supercopa em cima do Manchester United

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Real Madrid começou a temporada 2017/18 com o pé direito. Na Macedônia, a equipe comandada por Zinedine Zidane venceu por 2 a 1 a disputa entre os "donos da Europa" com o Manchester United e conquistou a Supercopa Europeia nesta terça-feira (8).

A partida reuniu os dois campeões europeus da última temporada. O Real conquistou a Liga dos Campeões, enquanto o Manchester ficou com a taça da Liga Europa.

O primeiro tempo foi de amplo domínio do Real Madrid. E entre os destaques merengues, estava o brasileiro Casemiro. Firme na defesa, o volante chamou atenção pela chegada à frente. Logo aos 15 minutos, aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou no travessão de De Gea. Dois minutos mais tarde, arriscou de fora da área e assustou o goleiro espanhol.

A boa atuação foi compensada aos 23 minutos da primeira etapa. Depois de uma tentativa frustrada de lançamento de Isco, a bola ficou com Carvajal. O lateral viu o brasileiro avançando por trás da zaga inglesa e tocou por cima. Casemiro, então, bateu de primeira para o fundo do gol de De Gea. Os jogadores do Manchester United pediram impedimento, mas o zagueiro Chris Smalling dava condição.

O segundo tempo começou com o Real Madrid pressionando com a posse de bola, enquanto o Manchester United tentava encontrar oportunidades em jogadas de contra-ataque. A situação inglesa, porém, ficou pior logo aos 6 minutos. Em uma tabela rápida com Bale, Isco apareceu livre na área e só teve o trabalho de tocar no canto de De Gea.

Sufocado pelo Real Madrid, o Manchester United teve a melhor chance, até então, aos 8 minutos. Após cruzamento, Pogba cabeceou e Navas deu rebote. A bola sobrou para Lukaku que, livre, soltou a bomba para fora do gol merengue.

Oito minutos mais tarde, Lukaku teve uma nova chance, bastante parecida. Matic soltou a bomba de fora da área, Navas rebateu para frente e, dessa vez, o atacante belga conseguiu completar para o fundo das redes.

Para a primeira partida oficial da temporada, Zidane preferiu poupar Cristiano Ronaldo e deixá-lo no banco de reservas. Por ter disputado a Copa das Confederações, o português voltou a treinar com o elenco apenas no último sábado (5). Apenas aos 37 minutos do segundo tempo, o português foi colocado em campo.

No final da partida, ainda atrás no marcador, o Manchester United passou a dominar as ações. O time inglês conseguiu se aproximar do gol de empate, contudo, não foi efetivo a ponto de reverter a desvantagem.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias