Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Arena Corinthians loteia camarotes encalhados e vende vagas a R$ 320

Loading...

ESPORTES

Arena Corinthians loteia camarotes encalhados e vende vagas a R$ 320

ALEX SABINO E GUILHERME SETO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com problemas para alugar os camarotes de seu estádio, o Corinthians vendeu ingressos individuais para o setor nas semifinais e finais do Paulista. Os preços variaram entre R$ 320 e R$ 380. A reportagem apurou com pessoas ligadas à Arena que, dos 89 camarotes disponíveis no local, apenas 11 estão alugados (12% do total) para 2017.

Por isso, clube loteou as vagas nos espaços ociosos para arrecadar recursos. A capacidade é para 12 pessoas sentadas. O Corinthians arrecadou R$ 30.620 com a medida.

Os dados estão nos boletins financeiros das partidas, disponíveis no site da Federação Paulista de Futebol.

A medida irritou proprietários de camarotes no estádio.

Quando a Arena foi inaugurada, em 2014, esses espaços foram oferecidos por R$ 1 milhão anuais. Um empresário, que paga este valor, disse à Folha que vai tentar uma renegociação para reduzi-lo. Afirmou querer o princípio da isonomia: desembolsar o mesmo que os outros.

Em 2015, o Corinthians divulgou a existência de lotes disponíveis por valor mais modesto: a partir de R$ 340 mil anuais. Na época, a diretoria informava ter 20 camarotes alugados.

Na semifinal do Estadual contra o São Paulo, foram oferecidos lugares individuais nos camarotes, o espaço mais nobre do estádio, por R$ 320 por pessoa. Vendeu 66. Na decisão diante da Ponte Preta, subiu para R$ 380. Negociou 24 ingressos "inteiros" e duas meias-entradas por R$ 190 cada.

Quem se apressou em alugar camarotes há três anos, gastou bem mais por jogo do que quem comprou os ingressos avulsos. Considerando os quatro jogos que aconteceram no estádio nos últimos 30 dias, cada evento saiu por R$ 20,8 mil para os locatários.

Se 12 pessoas ocuparam o espaço, cada uma teve o "custo" de R$ 1.735. São R$ 1.355 a mais do que o torcedor que fez a compra individual para a final do Paulista.

Mesmo para as empresas que alugaram camarote pelo preço (promocional, como o clube divulgou na época) de R$ 340 mil, cada ingresso nas decisões do Estadual de 2017 teria saído por R$ 590.

A reportagem tentou ouvir o Corinthians sobre o assunto. Foi enviado e-mail com questões a respeito da venda de camarotes. Não houve resposta até as 20h30 desta terça.

Conselheiros da situação alegam que foi uma tentativa de gerar receitas em partidas de maior apelo. Reclamam, porém, que o problema é o plano de negócios feito na época da construção do estádio, que seria grandioso demais e de realização não factível.

O Corinthians já lançou também a opção de camarotes para o Fiel Torcedor, o programa de sócio-torcedor do clube, em que, por R$ 49, foi possível ver a final contra a Ponte Preta. Nesse caso, porém, são cadeiras separadas em setor do estádio, sem a mesma estrutura dos 89 camarotes do Itaquerão.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias