Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Tribunal vai denunciar Luis Fabiano, que pode pegar gancho de até 12 jogos

Loading...

ESPORTES

Tribunal vai denunciar Luis Fabiano, que pode pegar gancho de até 12 jogos

LEO BURLÁ

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) - A expulsão de Luis Fabiano contra o Flamengo pode render uma dor de cabeça extra para o atacante do Vasco.

Já há consenso no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJD-RJ) que uma denúncia contra o jogador vai ser oferecida.

Agora, a procuradoria do órgão vai analisar as imagens da "peitada" e aguarda a publicação da súmula do árbitro Luis Antonio Silva Santos, o Índio. O atacante pode ser julgado com base nos artigos 250, 254 e 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva. Se a denúncia for oferecida a partir deste último, que fala em agressão física, a pena vai de 4 a 12 partidas.

A partir destas análises, a procuradoria vai enquadrar o camisa 9 e o tema vai a julgamento. O mais provável é que ele seja julgado por agressão ou ato hostil.

"Eu vou ver o lance com calma ainda e ainda aguardo a súmula. Mas vai ter denúncia. Parece que houve um pisão no pé também, mas não vi razão para aquele estardalhaço do juiz. A análise da súmula vai ser decisiva", afirmou André Valentim, procurador-geral do TJD.

O pênalti inexistente marcado pelo juiz não vai gerar desdobramentos, já que não cabe análise pelo tribunal do lance de jogo.

Em um vídeo publicado no site oficial da Federação Estadual do Rio de Janeiro, Sergio Santos, membro da Comissão de Arbitragem e Futebol do Rio de Janeiro (Coaf-RJ), justificou o afastamento pela marcação equivocada do pênalti a favor do Vasco. A expulsão de Luis Fabiano foi considerada justa.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias