Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Pressionada pela McLaren, Honda diz ter evoluído motor antes da estreia

Loading...

ESPORTES

Pressionada pela McLaren, Honda diz ter evoluído motor antes da estreia

JULIANNE CERASOLI

MELBOURNE, AUSTRÁLIA (UOL/FOLHAPRESS) - Pressionada publicamente pela McLaren após inúmeras quebras durante a preparação para a temporada da Fórmula 1, que começa neste final de semana, a Honda já começou sua reação e aposta que mudanças de configuração de sua unidade de potência ajudarão Fernando Alonso e Stoffel Vandoorne no desempenho no GP da Austrália. Pelo menos é essa a expectativa do chefe dos japoneses na categoria, Yusuke Hasegawa.

"Foi uma pré-temporada exigente para toda a equipe. Obviamente os problemas que vivemos em Barcelona limitaram nosso tempo de pista e colocaram mais pressão na nossa preparação, contudo, geramos muita informação útil", avaliou.

"Em relação ao rendimento, há margem para melhora com os mapas de motor, que oferecem melhor dirigibilidade e, com uma análise mais profunda, pudemos executar mais mudanças para nos prepararmos para Melbourne. Sabemos que estamos no caminho certo e seguiremos trabalhando para melhorar nossa competitividade ao longo da temporada."

Mesmo com a promessa de melhora, Fernando Alonso não esconde esperar um final de semana difícil em Melbourne.

"Faremos todo o possível com o que temos, com trabalho duro e de colaboração dentro da equipe, mas a perda de tempo antes da primeira corrida significa que temos menos chances de fazer grandes mudanças", ponderou. "O primeiro passo será trabalhar com a confiabilidade antes que possamos fazer qualquer suposição ou previsão sobre nosso rendimento."

Com a liberação do desenvolvimento dos motores para esta temporada, a Honda optou por redesenhar completamente seu equipamento, o que levou ao excesso de vibrações que causou diversos problemas - a grande maioria elétrica - durante os teste de pré-temporada. Com isso, em oito dias de atividade, Alonso e Vandoorne não conseguiram ficar na pista por mais de 11 voltas seguidas e a McLaren já começa a buscar opções a fim de trocar de fornecedor em 2018.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias