Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Martinuccio desabafa sobre situação na Chapecoense e irrita dirigentes

Loading...

ESPORTES

Martinuccio desabafa sobre situação na Chapecoense e irrita dirigentes

DANIEL FASOLIN

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O meia Martinuccio desabafou sobre o momento difícil na Chapecoense. O argentino, que novamente não foi relacionado pelo técnico Vagner Mancini no empate por 2 a 2 contra o Atlético-MG pela Primeira Liga, na última quarta-feira, rebateu as críticas nas redes sociais e irritou dirigentes do time catarinense.

"Muitos falam que estou sem vontade e isso é mentira. Nunca duvidem de mim", afirmou o jogador, que não iniciou uma partida sequer no comando de Mancini.

"Para tirar dúvidas, e malas falas sobre mim (afirmações ruins sobre mim). Estou 100%, não estou machucado. São escolhas destas grandes mudanças e tenho que respeitar", completou.

João Carlos Maringá, diretor de futebol da Chapecoense, comentou as declarações do argentino e não escondeu seu descontentamento.

"Esse tipo de comportamento não cabe na reconstrução da Chapecoense. Esse é o meu recado. Ele deveria ter vindo ao vestiário e abraçado os companheiros. Hoje ele mostrou que não está envolvido no nosso projeto", disse o dirigente.

Já o diretor executivo da Chapecoense, Rui Costa, procurou evitar nova polêmica ao comentar a declaração.

"Não vamos responder a nenhum atleta pela imprensa. Temos locais adequados para conversar e uma relação de transparência com os atletas, ou seja as portas sempre estão abertas para eles fazerem ponderações. Vou prestar um esclarecimento ao torcedor sem entrar em detalhes técnicos", comentou Costa.

"Ele está sim com problemas físicos referidos por ele mesmo e por isso não treinou nos últimos dias. O atleta diz que está 100%, mas não foi o que disse aos nossos profissionais aqui. É no mínimo injusto colocar sob suspeita a credibilidade desses profissionais ao dizer que não tem nada, que está 100%", completou o diretor.

Martinuccio não participou de duas atividades nesta semana, alegando dores no pé. O departamento médico constatou uma tendinite leve para explicar a ausência do atleta. Dias antes da polêmica, Mancini explicou os motivos da pouca utilização do atleta.

"Eu analiso o rendimento nos treinos. Não seria justo deixar algum jogador que está acima no desempenho para favorecer outro. Os outros jogadores estão acima que ele, por isso estão sendo relacionados", afirmou o treinador.

A Chapecoense começa nesta quinta-feira (02) a preparação para o primeiro jogo pela Libertadores, em Maracaibo, na Venezuela, contra o Zúlia, na próxima terça. Mancini já sinalizou que levará a campo um time alternativo diante do Criciúma, no sábado, pelo Catarinense.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias