Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Jadson assina por dois anos e cumpre desejo mútuo de volta ao Corinthians

Loading...

ESPORTES

Jadson assina por dois anos e cumpre desejo mútuo de volta ao Corinthians

DASSLER MARQUES E DIEGO SALGADO

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O retorno de Jadson ao Corinthians foi oficializado no começo da tarde desta segunda-feira (6). O meio-campista assinou contrato no CT Joaquim Grava e já falou como jogador do clube. Acertado no início da semana passada, o novo vínculo entre clube e meia de 33 anos será válido por duas temporadas, com possibilidade de renovação ainda para 2019.

O segundo "casamento" entre Jadson e Corinthians sempre foi um desejo das duas partes desde a saída dele para a China, no fim da temporada 2015. As negociações para o retorno tiveram início efetivamente em dezembro e esquentaram a partir de 16 de dezembro após rescisão de contrato com o Tianjin Quanjian.

"Estou muito feliz. Estou retornando ao clube que meu a oportunidade de jogar em alto nível aqui no Brasil, o Corinthians. É agradecer todos que se esforçaram pela contratação também, a diretoria. Pode ter certeza que vou me dedicar ao máximo para ter um ano maravilhoso junto com meus companheiros", disse Jadson.

Inicialmente, a pedida de Jadson assustou o Corinthians: três anos de contrato, luvas de R$ 10 milhões e salários de R$ 600 mil. As negociações, porém, levaram a um caminho muito diferente: além do vínculo de dois anos, os salários ficarão na faixa de R$ 450 mil e as luvas são de R$ 4 milhões, aproximadamente.

Para que o negócio fosse feito nos moldes desejados pelo Corinthians, pesou a vontade de Jadson em regressar ao clube e as investidas tímidas das outras equipes brasileiras interessadas, como São Paulo, Atlético-MG e Grêmio. Assim, na última segunda-feira, as partes se aproximaram de um acordo que foi definitivamente fechado na sexta, com o consenso das últimas cláusulas pendentes do contrato.

Prestes a ser integrado aos treinamentos, Jadson deve ficar à disposição para ser escalado a partir de março. De acordo com o consultor médico Joaquim Grava, que cuidou dos exames médicos do meia, ele precisa perder quatro quilos para atingir o peso ideal.

O treinador Fábio Carille espera que Jadson atue, inicialmente, aberto pelo lado direito, como na temporada 2015. Um plano B seria mudar o esquema tático para o 4-2-3-1 e encaixar o reforço pela faixa central.

Na passagem anterior, entre 2014 e 2015, Jadson disputou 103 jogos e marcou 24 gols. Foi campeão do Brasileiro 2015 e dividiu os prêmios de melhor jogador do torneio com Renato Augusto.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias