Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Cruzeiro vence Atlético-MG e amplia tabu sobre o rival para seis jogos

Loading...

ESPORTES

Cruzeiro vence Atlético-MG e amplia tabu sobre o rival para seis jogos

ENRICO BRUNO, THIAGO FERNANDES E VICTOR MARTINS

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) - Quando se trata de clássico, nenhum outro número agrada mais ao cruzeirense do que o seis, desde 2011. Já são seis clássicos que o Cruzeiro não perde para o Atlético-MG. No primeiro duelo de 2017, veio a quarta vitória azul nesta sequência. Com gol de Arrascaeta a equipe celeste venceu por 1 a 0, pela primeira rodada da Primeira Liga.

Além de vencer o maior rival e ampliar a invencibilidade no clássico para seis partidas, o bom futebol apresentado diante do Atlético também deixou o cruzeirense satisfeito. Mesmo sem Thiago Neves e Lucas Silva, duas das grandes contratações para a temporada, o Cruzeiro foi sempre melhor do que rival. Portanto, um resultado inquestionável, acabando com o jejum de clássicos sem vitórias no Mineirão, que eram de seis confrontos.

O Atlético chegou a trocar mais passes do que o Cruzeiro, mas quase sempre no campo de defesa. Com muita dificuldade para chegar perto da área adversária, o time alvinegro voltou a apelar para um velho recurso: bola alçada na área através da cobrança de lateral. Isso ocorreu em pelo menos cinco oportunidades, a primeira delas antes dos 15 minutos de jogo. Mas nada funcionou.

Embora já mostre um melhor posicionamento em campo, o time de Roger Machado está muito longe do que espera a torcida alvinegra.

TORCIDA É claro que o cruzeirense deixou o Mineirão muito mais satisfeito do que o atleticano. Mas se teve algo que agradou a todo mundo foi o duelo de torcidas, para ver quem cantava mais alto. Após quatro anos o clássico voltou a ter as duas principais torcidas do estado divididas meio a meio.

Desde a abertura dos portões, por volta das 17h30, quando entraram os primeiros torcedores no estádio, já era possível ver a disputa de quem contaria mais. Nesse ponto, vitória do futebol mineiro.

CRUZEIRO

Rafael; Ezequiel, Léo, Manoel e Diogo Barbosa; Henrique (Hudson), Ariel Cabral, Robinho e Arrascaeta (Rafinha); Alisson e Rafael Sóbis (Ábila). T.: Mano Menezes.

ATLÉTICO-MG

Giovanni; Marcos Rocha, Felipe Santana, Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca, Yago (Ralph), Otero, Maicosuel (Clayton) e Cazares (Rafael Moura); Lucas Pratto. T.: Roger Machado.

Gol: Arrascaeta, aos 27min do 1º tempo

Cartões amarelos: Rafael Sóbis, Ezequiel e Alisson (C); Yago, Lucas Pratto, Ralph, Fábio Santos e Gabriel (A)

Cartão vermelho: Robinho (C)

Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte (MG) Árbitro: Wanderson Alves de Souza (MG)

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias