Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Chape vai às oitavas da Copinha em jogo de lambanças e drama no final

Loading...

ESPORTES

Chape vai às oitavas da Copinha em jogo de lambanças e drama no final

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - A Chapecoense não perdoou um apagão de três minutos da defesa do Capivariano e classificou-se às oitavas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior com vitória sofrida por 3 a 2 nesta quinta-feira (12). A partida foi recheada de muitos erros e por um final dramático, marcado por uma defesa salvadora do goleiro da Chape.

Os gols da vitória da Chape foram marcados por Luquinhas, Japa e Guilherme Pessoa, enquanto Gabriel Taliari e Neto descontaram para o Capivariano – que ainda desperdiçou um pênalti na trave. Nas oitavas de final, a Chape enfrentará o Ituano, que venceu o Primavera-SP por 3 a 0 também nesta quinta.

O time de Chapecó começou a partida sendo pressionado pelo Capivariano, mas aproveitou duas patacoadas em três minutos na zaga rival para abrir boa vantagem no placar.

Após chutão aos 12 minutos, o zagueiro Marcos Alessandro perdeu o tempo da bola e a deixou livre para Luquinhas, que só deslocou com categoria Hudson. Três minutos depois, foi a vez de Lucas Praxedes dar bobeira e furar a bola, que dessa vez se apresentou para Japa driblar o goleiro e só empurrar às redes. Que lambança!

O Capivariano voltou melhor para o segundo tempo, mas viu Guilherme Pessoa ampliar para a Chape em cobrança de falta defensável - o garoto, que acabara de sair do banco, emocionou a torcida ao chorar de joelhos na comemoração.

Logo depois, Neto perdeu pênalti na trave para o time de Capivari, mas o colega Taliari descontou em batida de falta no canto do goleiro da Chape para dar esperança à torcida.

Aos 39, foi a vez da Chapecoense vacilar. Após cobrança de escanteio, Lauri cortou a bola com o braço: pênalti! Dessa vez, Neto não desperdiçou e colocou fogo na partida.

No finzinho, o goleiro Tiepo ainda salvou a Chape com grande defesa de mão trocada no ângulo. Dominados na maior parte do jogo, os garotos de Chapecó foram precisos e seguem escrevendo história na Copinha.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

ARAPONGAS 21/01

DEVANIL NAREZE, 71 ANOS

APUCARANA 21/01

VALENTIN SEGOBIA, 56 ANOS

FRANCISCO PEREIRA DO CARMO, 81 ANOS

MEGA SENA

CONCURSO 1896 · 21/01/2017

03 06 14 15 21 25