Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Goleiro Follmann não precisará amputar perna esquerda, diz médico

Loading...

ESPORTES

Goleiro Follmann não precisará amputar perna esquerda, diz médico

- Atualizado em 01/12/2016 21:50

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O diretor médico do hospital San Vicente Fundación, em Rionegro na Colômbia, Ferney Rodrígez disse, em boletim divulgado no início da noite desta quinta (1º), que o goleiro Jackson Follmann, um dos sobreviventes do voo com a equipe da Chapecoense, não precisará amputar a perna esquerda.

O jogador, porém, continua internado na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) após passar por uma cirurgia nesta quinta. Ele já havia tido a perna direita amputada na terça (29), dia do acidente com o avião com a delegação da equipe catarinense.

"No membro inferior esquerdo, as lesões evoluíram adequadamente de tal forma que não foi necessária a amputação", afirmou o boletim médico. O comunicado também dizia que a região onde a perna direita foi amputada estava em "estado adequado".

Entre os seis sobreviventes da queda do avião da Chapecoense, quatro são brasileiros --o jornalista Rafael Henzel, o zagueiro Neto, o goleiro Follman e o lateral Alan Ruschel. De acordo com o último boletim médico sobre o quadro de saúde, eles tinha estado crítico, porém estável.

Os outros dois que sobreviveram eram a comissária Ximena Suárez e o técnico aeronáutico Erwin Tumiri. Bolivianos, eles passam bem e não correm risco de morrer.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

ARAPONGAS 02/12

DAVI DE SOUZA, 54 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1881 · 30/11/2016

03 10 30 44 53 56