Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Com diretores da CBF na votação, São Paulo aprova Globo para o Brasileiro

Loading...

ESPORTES

Com diretores da CBF na votação, São Paulo aprova Globo para o Brasileiro

ADRIANO MANEO E CAMILA MATTOSO
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Conselho do São Paulo aprovou na noite desta terça-feira (23) a proposta do SporTV para transmissão do Campeonato Brasileiro a partir de 2019 até 2024.
O órgão aprovou apenas o contrato para TV fechada, que tinha o Esporte Interativo como concorrente.
Na noite de votação, estavam presentes dois diretores da CBF, Rogério Caboclo, diretor executivo, e Marco Aurélio Cunha, que comanda o futebol feminino.
Depois da rivalidade com o canal da Turner, a Globo melhorou a proposta e igualou. A emissora vai depositar R$ 60 milhões assim que os documentos forem assinados.
De acordo com a assessoria, a aprovação for por aclamação. Quem esteve à frente das negociações foi Ataíde Gil Guerreiro, que saiu aplaudido da reunião por ter conseguido melhorar a situação do clube em relação à TV.
Globo e Turner, dona do Esporte Interativo, disputavam a compra dos direitos de transmissão dos jogos do São Paulo na TV fechada.
DISPUTA DAS TVS
A pauta da reunião desta terça inclui a deliberação sobre a proposta da Globo, que, segundo o vice-presidente de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, é de R$ 1,1 bilhão por temporada, divididos entre os 20 clubes da Série A, mais R$ 60 milhões de luvas para o São Paulo, o que engloba todo o pacote, com TV fechada, aberta, pay-per-view e internet. Não foram divulgados os valores apenas para TV fechada.
Depois de saber que apenas a proposta da Globo seria apresentada, a Turner enviou a proposta aos conselheiros: R$ 550 milhões, mais R$ 40 mi de luvas, apenas pela TV fechada.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias