Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Dirigentes serão investigados por comissão interna

Loading...

ESPORTES

Dirigentes serão investigados por comissão interna

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A comissão de auditoria do Conselho Deliberativo do São Paulo irá investigar dois dirigentes são-paulinos neste ano.
Gustavo Oliveira, diretor-executivo de futebol, e José Francisco Manssur, vice-presidente de comunicações e marketing são suspeitos de de conflito de interesses por serem ex-sócio e sócio, respectivamente, do escritório de advocacia AMVO, que assessorava o São Paulo até o final de 2014 e tinha o empresário de jogadores Eduardo Uram como cliente.
A denúncia veio através de um requerimento entregue por José Marcelo Previtalli, ex-diretor jurídico adjunto do São Paulo, ao Conselho Deliberativo do clube na última reunião, em dezembro.
A informação foi publicada no jornal "O Estado de S.Paulo" e confirmada pela Folha de S.Paulo. O requerimento seguirá para a comissão de auditoria do Conselho que pedirá à diretoria os documentos necessários para apurar esse possível conflito de interesses e preparará um relatório que será encaminhado ao Conselho Deliberativo.
Manssur ainda é sócio do AMVO e Oliveira deixou a sociedade quando assumiu pela primeira vez como diretor de futebol do São Paulo, em agosto de 2013.
Eduardo Uram é empresário de diversos jogadores que passaram pelo São Paulo. À Folha de S.Paulo, ele disse que já agenciava jogadores para o clube muito antes da entrada de Gustavo Oliveira na diretoria.
Segundo Uram, o jogador mais antigo que agenciou para o clube foi Leonardo Moura, em 2003. Atualmente apenas o lateral-direito Bruno, contratado junto ao Fluminense, em dezembro de 2014, é atleta da equipe do Morumbi. Entre outros nomes que passaram pela equipe estão, Maicon, Aloísio, João Filipe, Cícero, Juan e Roger Carvalho, hoje no Palmeiras.
Segundo a reportagem do "O Estado de S.Paulo", no requerimento consta uma planilha de pagamentos no valor de R$ 15,9 milhões do São Paulo ao Tombense (MG), que tem o empresário como principal investidor e que registra os jogadores agenciados por ele.
À Folha de S.Paulo, o presidente do Conselho Deliberativo do São Paulo, Marcelo Pupo Barboza confirmou que o requerimento foi entregue ao órgão mas que não há como afirmar que houve conflito de interesses.
Barboza também lembrou que todos os contratos dos últimos cinco anos serão auditados por auditoria externa que já estava programada antes da existência do requerimento.
OUTRO LADO
À Folha de S.Paulo, Manssur afirmou que não há conflito de interesses porque, juridicamente, isso ocorre "quando o mesmo advogado assume as duas partes em litígio".
"A AMVO nunca participou de nenhuma negociação do Eduardo Uram com o São Paulo. Esse é o ponto mais importante", explicou.
"Com outros times [a AMVO auxiliou o Uram em negociações], mas quando ele fez negócios com o São Paulo a AMVO atuava em processos do Uram, nunca em negociações", disse. Segundo advogados, processos diferem de negociações. Um exemplo de processo envolve cobrar valores a receber, por exemplo.
O dirigente afirmou que em seu caso a acusação é ainda menos cabível. "No meu caso é ainda mais grave porque nunca atuei em negociação de jogador. Seja pelo São Paulo, Eduardo Uram ou qualquer cliente do meu escritório".
Na última reunião do Conselho, Manssur entregou voluntariamente suas declarações de Imposto de Renda e todas as notas e contratos da AMVO para subsidiar a apuração.
Até o final da tarde desta segunda a Folha de S.Paulo não conseguiu contatar Gustavo Oliveira.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 09/12

HELENA CORREA DE ANDRADE, recém-nascida

MAUÁ DA SERRA 09/12

CLAUDENIR COELHO SOARES, 35 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60