Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Opções ajudaram time a recuperar poder ofensivo

Loading...

ESPORTES

Opções ajudaram time a recuperar poder ofensivo

DIEGO SALGADO
SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Palmeiras passou por uma grande reformulação do elenco em 2015. O fato ajudou o time a reencontrar o poder ofensivo durante a temporada marcada pelo título da Copa do Brasil. O ataque alviverde marcou 113 gols e repetiu o desempenho de 2009 depois de alguns anos de baixo rendimento.
A média de gols registrada em 2015 chegou a 1,62 -o Palmeiras entrou em campo 70 vezes. No ano anterior, a equipe palmeirense marcou, em média, 1,16 gol por confronto (foram 73 gols em 63 jogos).
O desempenho do ano passado é ainda superior ao de 2012, 2011 e 2010. A exceção é 2013. Naquela ocasião, o Palmeiras marcou 113 gols em 68 partidas. O time, entretanto, disputou 38 partidas pela Série B.
Em 2009, ano em que o time lutou pelo título brasileiro até a rodada final e chegou às quartas de final da Libertadores, a equipe foi às redes em 116 oportunidades, em um total de 71 duelos (média de 1,63).
O Palmeiras também conseguiu inverter uma tendência negativa dos últimos anos. Em 2015, o time passou a ter mais opções de ataque. O meia-atacante Dudu, por exemplo, marcou 16 gols, contra 15 de Rafael Marques e 12 de Cristaldo.
Leandro Pereira e Barrios, que atuaram meia temporada, também figuraram na parte de cima da lista de artilheiros, com nove e oito gols, respectivamente. O Palmeiras ainda contou com os gols de Robinho (nove) e Gabriel Jesus (sete).
A situação é oposta à dos anos anteriores. Em 2014. Henrique marcou 18 gols. Alan Kardec, dez. O terceiro maior artilheiro foi o meia Wesley, com cinco. O cenário da temporada anterior foi igual. Leandro fez 19 gols, contra 14 de Kardec. Wesley balançou a rede sete vezes.
O Palmeiras contou com nove atacantes no ano passado: Alecsandro, Barrios, Cristaldo, Dudu, Gabriel Jesus, Kelvin, Leandro Pereira (deixou o clube em junho), Mouche e Rafael Marques. Em 2016, o time corre o risco de perder Rafael Marques e Kelvin, que tiveram seus contratos encerrados com o clube no dia 31 de dezembro.
Em contrapartida, o time ganhou um reforço importante: o atacante Erik, que marcou 15 pelo Goiás na temporada 2014. O meia-atacante Régis também foi contratado pelo Palmeiras.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

ARAPONGAS 02/12

DAVI DE SOUZA, 54 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1881 · 30/11/2016

03 10 30 44 53 56