Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Autora não queria 2º livro, disse biógrafo antes de lançamento

Loading...

ENTRETENIMENTO

Autora não queria 2º livro, disse biógrafo antes de lançamento

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - No ano passado, quando foi publicado o segundo livro de Harper Lee, seu principal biógrafo, Charles Shields, disse à Folha de S.Paulo que a escritora já não estava consciente de seus atos e havia caído nas mãos de aproveitadores.
A autora do clássico "O Sol É para Todos", sobre o racismo na sociedade americana nos anos 1930 e vencedor do prêmio Pulitzer de ficção em 1961, morreu aos 89 anos, informou a imprensa americana nesta sexta-feira (19). A causa não foi divulgada.
"Go Set a Watchman" (publicado no Brasil como "Vá, Coloque Um Vigia") foi descrito como um primeiro rascunho da história que o antecedeu e surpreendeu leitores e críticos ao mostrar heróico Finch como um racista que apoia a segregação.
Lançado em julho do ano passado, o livro vendeu mais de 1,6 milhão de exemplares em papel.
Autor de "Mockingbird: A Portrait of Harper Lee", Shields afirmou que a escritora conhecia o paradeiro do rascunho e expressou diversas vezes que não o queria publicado.
"Lee não está em condições de dar um consentimento para a publicação de nada", disse ele, cinco meses antes do lançamento da obra.
O biógrafo contou ainda que, ao reconstruir os primeiros tempos da autora em Nova York, topou com a correspondência de Lee com sua agente literária e com o editor Hugh Van Dusen.
Nas cartas, se discutia o que deveria ser feito com o texto de "Vigia". Tratava-se de um romance cuja protagonista viajava para a cidade natal para visitar o pai.
"O editor não estava entusiasmado com a história e instou Lee a abandoná-la. Até que surgiu a ideia de voltar no tempo e contar a história da mesma personagem, só que ainda criança. Ficou claro que a nova versão a ser escrita deveria substituir a original", afirmou o biógrafo.
Ao longo da vida, a escritora deu poucas entrevistas e apareceu publicamente em raras ocasiões. Optou pela vida simples na Monroeville, sua cidade natal no Alabama.
Nas raras ocasiões em que era perguntada sobre a razão de não escrever mais, Lee dizia: "Eu não encararia a pressão e o desgaste da divulgação que tive de aguentar com 'O Sol É para Todos'. Além disso, o que eu tinha para falar eu já disse e não direi de novo".

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias