Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Meirelles afirma que governo estuda mudar IR de pessoa física

Loading...

ECONOMIA

Meirelles afirma que governo estuda mudar IR de pessoa física

FLAVIA LIMA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, confirmou nesta terça-feira (8) que o governo estuda mudanças no Imposto de Renda de Pessoa Física e na tributação sobre a distribuição de dividendos e qualificou a manifestação contrária do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, como "importantíssima".

Meirelles reconheceu, no entanto, que para terem efeito em 2018, as mudanças têm que ser encaminhadas até 31 de agosto, prazo considerado curto.

Em nota divulgada nesta terça-feira (8), porém, a Secretaria de Comunicação da Presidência informou que o presidente "fez hoje menção genérica a estudos da área econômica, que são permanentemente feitos".

"De fato, existe nos âmbitos técnicos do governo estudos diversos, inclusive sobre imposto de renda", afirmou Meirelles após apresentação em evento da Fenabrave.

Em relação a Maia, que mais cedo disse que a medida não seria aprovada na Câmara, Meirelles disse que ambos devem discutir o assunto nesta quarta (9).

"Eu vou ter uma reunião com ele amanhã na hora do almoço sobre vários assuntos e vamos também discutir sobre isso. O governo precisa ser transparente", disse.

O governo discute a criação de novas alíquotas, de 30% e de 35%, para o Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), assim como a a tributação da distribuição de dividendos, hoje isenta de imposto.

As duas mudanças atingem as rendas mais altas. Segundo o ministro, os estudos são "preliminares".

Meirelles afirmou que, ainda assim, acha importante mencionar a existência de um estudo desse porte para que a população tenha conhecimento e se posicione.

"Nós precisamos saber qual a reação das pessoas. O governo não pode simplesmente ficar causando surpresas na população o tempo todo", afirmou. "Definido não tem nada", disse.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias