Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Após polêmica, autor de projeto sobre trabalho rural vai mudar texto

Loading...

ECONOMIA

Após polêmica, autor de projeto sobre trabalho rural vai mudar texto

DANIEL CARVALHO

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Diante da polêmica sobre seu projeto de lei que altera leis trabalhistas específicas para trabalhadores rurais, o deputado Nilson Leitão (PSDB-MT) vai reescrever o texto e solicitar que o comando da Câmara não instale neste momento a comissão especial para discutir a proposta na Casa.

Presidente da FPA (Frente Parlamentar Agropecuária), que reúne 204 deputados e 24 senadores, Leitão é autor do projeto de lei 6442/2016.

Entre outros pontos, o texto estabelece que a remuneração do trabalhador rural pode ter desconto de até 20% do salário "pela ocupação da morada" e de até 25% "pelo fornecimento de alimentação sadia e farta, atendidos os preços vigentes na região".

A proposta prevê ainda que se trabalhe até 18 dias seguidos e abre possibilidade para que o trabalhador venda integralmente suas férias.

Representantes dos trabalhadores rurais argumentam que o projeto de Leitão traz regras que se assemelham à escravidão. O parlamentar rebate e diz ter sido mal interpretado.

"Conversei com algumas pessoas sobre essa interpretação distorcida, equivocada que tem sido colocada. A intenção do projeto não é jamais trocar salário por comida. Isso é conversa", afirma Leitão.

O deputado disse à reportagem que irá se reunir com técnicos nesta semana para fazer um "aperfeiçoamento de redação".

"Estou estudando esta semana com os técnicos a forma de tirar essa interpretação equivocada. Devo pedir para não deixar a instalar a comissão por enquanto. De repente, [podemos] fazer uma comissão geral mais pra frente [para discutir o texto antes de se criar a comissão especial]", afirmou Nilson Leitão.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já foi informado de que o deputado solicitará nesta semana a suspensão da tramitação da proposta.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias