Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Dólar cai com expectativa de nova repatriação; Bolsa recua 0,90%

Loading...

ECONOMIA

Dólar cai com expectativa de nova repatriação; Bolsa recua 0,90%

EULINA OLIVEIRA

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A expectativa de que o Senado vote nesta semana o projeto de lei que abre uma nova rodada de ativos mantidos ilegalmente no exterior, a chamada repatriação, contribuiu para que o dólar caísse frente ao real nesta terça-feira (7).

A moeda americana à vista perdeu 0,34%, a R$ 3,1151, enquanto o dólar comercial perdeu 0,22%, a R$ 3,1210.

"Com a possível aprovação de nova rodada de repatriação, a demanda por hedge [proteção] cambial pode perder força e fazer o dólar voltar a trabalhar abaixo dos R$ 3,10 nos próximos dias", afirmam os analistas da Lerosa Investimentos, em relatório.

No mercado, as expectativas são de que a nova regularização de recursos mantidos no exterior gere a entrada de até US$ 30 bilhões no país.

Além disso, o Tesouro Nacional informou que reabriu a oferta do título Global 2026, bônus denominado em dólares e com vencimento em 7 de abril de 2026, no mercado global. O resultado será divulgado ao final desta terça-feira (7).

No exterior, o dólar teve desempenho misto, perdendo para a maior parte de moedas de países emergentes, em meio ao cenário de cautela com os dados de emprego de fevereiro nos Estados Unidos, que saem na sexta-feira (10).

Se a criação de vagas de trabalho superar as expectativas do mercado, a possibilidade de alta dos juros americanos na semana que vem estará chancelada. A probabilidade de que isso ocorra, segundo levantamento da Bloomberg, está em 96%.

BOLSA

O Ibovespa recuou pela segunda sessão consecutiva. O principal índice da Bolsa perdeu 0,90%, aos 65.742,32 pontos. O giro financeiro foi de R$ 7,3 bilhões.

Em Nova York e na Europa, as Bolsas também recuaram, à espera dos dados do mercado de trabalho americano.

As ações preferenciais da Petrobras subiram 0,52% e as ordinárias fecharam estáveis. Já os papéis PNA da Vale subiram 0,20%, enquanto os ON caíram 0,57%.

Entre os bancos, Itaú Unibanco PN perdeu 1,67%; Bradesco PN, -1,34%; Banco do Brasil ON, -1,22%; e Santander unit, -1,34%.

JUROS

Os contratos de juros futuros negociados na BM&FBovespa subiram nesta terça-feira (7), em um movimento de correção frente às recentes quedas.

Neste mercado, investidores buscam proteção contra flutuações dos juros negociando contratos para diferentes vencimentos.

O movimento de alta ocorreu apesar de os dados do PIB (Produto Interno Bruto) de 2016 terem reforçado as apostas de corte de 1 ponto percentual taxa básica de juros nas próximas reuniões do Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central.

O mercado de juros futuros negociados na BM&FBovespa já precifica o corte de 1 ponto percentual da Selic na próxima reunião do Copom, em abril.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias