Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Conar abre processo contra campanha 'gente boa também mata'

Loading...

ECONOMIA

Conar abre processo contra campanha 'gente boa também mata'

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) abriu processo nesta terça-feira (10) contra os anúncios de TV e internet da campanha "Gente boa também mata", do Ministério dos Transportes.

Com frases como "quem resgata animais na rua pode matar", "quem faz a alegria das crianças pode matar" e "o melhor aluno da sala pode matar", as peças sobre segurança no trânsito geraram polêmica nas redes sociais.

Para críticos, os anúncios são de mau gosto ao associar pessoas com interesse social legítimo a quem desrespeita as leis e comete crimes. Essa foi a argumentação das reclamações recebidas pelo Conar, segundo a assessoria de imprensa da entidade.

Diante da repercussão negativa, o governo anunciou na quinta (5) que iria retirar os cartazes das ruas. As peças para TV e internet, porém, foram mantidas.

São alvos do processo o Ministério dos Transportes e a Link Propaganda. Caso a campanha seja condenada, os anúncios deverão ser retirados do ar. A decisão deve ser tomada em cerca de 40 dias.

Na apresentação da campanha, a agência nova/sb afirma que as peças mostram que "não basta ser uma boa pessoa, ser solidário e contribuir para comunidade se não respeitar as leis de trânsito".

Procurados, o Ministério dos Transportes e a Secretaria de Comunicação Social da Presidência não retornaram o contato da reportagem. A agência nova/sb disse que não vai se pronunciar.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

24/05/2017 - 09h30