Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Barbosa defende que rebaixamento da nota de crédito brasileira é temporário

Loading...

ECONOMIA

Barbosa defende que rebaixamento da nota de crédito brasileira é temporário

SOFIA FERNANDES
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, comentou, por nota, que o novo rebaixamento da nota de crédito brasileira pela S&P (Standard&Poor's) é temporária e será revertida "tão logo os resultados das medidas em andamento comecem a produzir efeitos".
Entre as medidas, o ministro destacou como prioridade a prorrogação da DRU (Desvinculação de Receitas da União), que permite o livre uso de até 20% do Orçamento, e a recriação da CPMF, o chamado imposto do cheque. Ambas medidas precisam passar pelo crivo de deputados e senadores para vingar.
O ministro também citou a reforma no sistema previdenciário. Nesta quarta, o Fórum da Previdência, composto por ministros, sindicalistas e empresários, se reuniu pela sexta vez para discutir mudanças nas regras para aposentadoria, mas ainda não foram apresentaras propostas concretas. A presidente quer enviar a reforma ao Congresso até abril.
Estabelecimento de uma idade mínima para o brasileiro se aposentar e unificação das regras para homens, mulheres, previdência urbana e rural são algumas das ideias que a equipe econômica de Dilma cogita. Essas propostas enfrentam, contudo, resistência de centrais sindicais e de dentro do próprio governo e base aliada.
Babosa defende que mudanças no regime fiscal, que contemplarão a limitação do crescimento das despesas, "reduzirão as incertezas fiscais, promoverão a melhora nos níveis de confiança, reduzirão as taxas de juros de longo prazo e a volatilidade da taxa de câmbio".
A nota cita ainda que serão tomadas iniciativas para aumentar a eficiência, previsibilidade e produtividade da economia.
O Brasil já perdeu a credencial de lugar seguro para investidores, uma vez que duas agências de classificação de risco (S&P e Fitch) rebaixaram a nota de crédito do país para grau especulativo. O rebaixamento desta quarta-feira (17), de BB+ para BB, reforça a percepção da agência S&P de que deve demorar ainda mais para o país reverter o atual quadro de deterioração fiscal. Sem o selo de bom pagador, os maiores fundos de investimento do mundo retiram dinheiro do país.
Barbosa defendeu que, "pelo tamanho e diversidade da economia brasileira, a estratégia de recuperação do crescimento é gradual e envolve várias iniciativas".
"Além de aumentar o investimento em infraestrutura, é necessário aumentar o investimento em educação, viabilizar a maior participação do Brasil no comércio mundial, melhorar a competitividade do setor manufatureiro e adotar medidas institucionais que melhorem o funcionamento da economia."

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

ARAPONGAS 01/12

ALZIRA GUERINO, 88 anos
MARCOS ANTÔNIO PEGORER, 52 anos
ARMANDO TOALIARI, 79 anos

APUCARANA 01/12

JESUÍNO JOSE RIBEIRO, 84 anos
CLEMENTE LEITE DA SILVA, 77 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1881 · 30/11/2016

03 10 30 44 53 56