Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Preços do petróleo se recuperam; Bolsa sobe mais de 1% e dólar recua

Loading...

ECONOMIA

Preços do petróleo se recuperam; Bolsa sobe mais de 1% e dólar recua

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Os preços do petróleo no mercado internacional se recuperam nesta quarta-feira (17), após o tombo da véspera. A alta é alimentada por expectativas de que membros e não membros da Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) convençam o Irã a participar de um acordo para congelar a produção global da commodity.
Em Londres, o petróleo Brent ganha 4,13%, a US$ 33,51 o barril, e, nos EUA, o WTI avança 3,75%, a US$ 30,13.
BOLSAS
Em dia de vencimento dos contratos de opções sobre o Ibovespa e do índice futuro, o principal índice da Bolsa paulista tem alta de 1,68%, aos 41.636,56 pontos. As ações da Petrobras sobem 2,02%, a R$ 4,53 (preferenciais) e 3,17%, a R$ 6,49 (ordinárias).
O avanço do petróleo estimula as Bolsas europeias, que sobem mais de 2%.
Os mercados acionários europeus são impulsionados ainda pela alta das ações do banco francês Crédit Agricole e da mineradora Glencore. A Bolsa de Londres avança 2,01%, Paris (+2,47%), Frankfurt (+2,26%), Madri (+2,27%) e Milão (+2,00%).
Em Nova York, o índice Dow Jones abriu em alta de 0,60% e o Nasdaq, de +0,82%.
Os mercados aguardam ainda a divulgação da ata da última reunião do Fed (Federal Reserve, o banco central dos EUA), no fim da tarde.
As ações chinesas subiram novamente nesta quarta-feira para uma nova máxima de três semanas. Enquanto isso, as ações no restante do continente caíram, após duas sessões seguidas de ganhos.
O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,87%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 1,1%.
Os índices chineses foram impulsionados pelo setor de infraestrutura, que saltou mais de 2% com o governo revelando planos de investir 400 bilhões de iuanes (US$ 61,42 bilhões) em projetos de infraestrutura.
No Japão, o índice Nikkei recuou 1,36%.
DÓLAR E JUROS
Após a alta de terça-feira (16), o dólar à vista recua 0,40%, a R$ 4,0378, e o dólar comercial perde 0,78%, a R$ 4,0390. A queda da moeda americana ante o real acompanha o movimento em outros mercados emergentes diante do avanço dos preços do petróleo.
A recuperação do combustível alimentava a demanda por ativos de maior risco, especialmente aqueles ligados a commodities, como o real e o peso mexicano.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 10/12

IZAURA FERREIRA DE ANDRADE, 70 ANOS

ARAPONGAS
CLÁUDIO SILVA, 88 ANOS

IVAIPORÃ
VALDETE CORDEIRO PEREIRA, recém-nascida
MIRIAM PEREIRA DE LIMA, 70 ANOS
CLÓVIS DE ALCÂNTARA BRASIL, 53 ANOS

APUCARANA 09/12

HELENA CORREA DE ANDRADE, recém-nascida

MEGA SENA

CONCURSO 1884 · 10/12/2016

01 04 23 32 38 59