Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Forte baixa do petróleo pesa e Bolsa perde mais de 2%; dólar sobe

Loading...

ECONOMIA

Forte baixa do petróleo pesa e Bolsa perde mais de 2%; dólar sobe

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Ibovespa opera em queda superior a 2%, acompanhando o movimento das principais bolsas mundiais, com exceção das chinesas. Os preços do petróleo mantêm a trajetória de queda por preocupações com o excesso de oferta.
Há pouco, o principal índice da Bolsa paulista recuava 2,59%, aos 39.517,96 pontos. No cenário doméstico, pesam sobre o mercado acionário a produção industrial de 2015, divulgada hoje pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o fim do recesso parlamentar e o balanço do Itaú Unibanco referente ao quarto trimestre do ano passado.
No campo corporativo, as ações preferenciais do Itaú Unibanco pressionam o Ibovespa para baixo, após a divulgação do balanço do quarto trimestre. Há pouco, os papéis perdiam 5,73%, cotados a R$ 24,01.
PETRÓLEO
As ações preferenciais da Petrobras recuavam há pouco 3,18%, a R$ 4,57, e as ordinárias cediam 2,88%, a R$ 6,39.
Os preços do petróleo Brent caíam mais de 5% nesta terça-feira, pressionados por preocupações com o cenário para a demanda frente a uma crescente oferta, enquanto diminuem esperanças de um acordo entre a Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) e a Rússia para reduzir a produção.
Há pouco, o petróleo Brent caía 5,2%, cotado a US$ 32,46 o barril. O petróleo dos Estados Unidos recuava 4,71%, a US$ 30,13 por barril.
As bolsas chinesas destoaram das demais e subiram mais de 2% nesta terça-feira (2). Os ganhos liderados pelas ações com menor valor de mercado. Alguns analistas disseram que os baixos volumes das operações chinesas sugerem que a recuperação pode ter vida curta.
O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 2,1%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 2,3%.
O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, caiu 1,15%. O índice Nikkei do Japão teve queda de 0,6%, com os investidores realizando lucros após dois dias seguidos de fortes altas na sequência da decisão do banco central do Japão de introduzir taxa de juros negativa na semana passada.
DÓLAR
No mercado de câmbio, o dólar à vista opera em alta, mas ainda abaixo dos R$ 4. Há pouco, a moeda americana à vista ganhava 0,12%, cotada a R$ 3,9847. O dólar comercial tinha alta de 0,68%, a R$ 3,9890.
Nesta manhã, o Banco Central realizaria mais um leilão de rolagem dos swaps que vencem em março, que equivalem a 10,431 bilhões de dólares, com oferta de até 11,9 mil contratos.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 10/12

IZAURA FERREIRA DE ANDRADE, 70 ANOS

ARAPONGAS
CLÁUDIO SILVA, 88 ANOS

IVAIPORÃ
VALDETE CORDEIRO PEREIRA, recém-nascida
MIRIAM PEREIRA DE LIMA, 70 ANOS
CLÓVIS DE ALCÂNTARA BRASIL, 53 ANOS

APUCARANA 09/12

HELENA CORREA DE ANDRADE, recém-nascida

MEGA SENA

CONCURSO 1884 · 10/12/2016

01 04 23 32 38 59