Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Dólar opera estável e Bolsa cai com preços do petróleo em baixa

Loading...

ECONOMIA

Dólar opera estável e Bolsa cai com preços do petróleo em baixa

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O dólar operava próximo a estabilidade ante o real nesta segunda-feira (18), em meio à alta do yuan e à volatilidade nos preços do petróleo.
As negociações desta segunda (18) estão marcadas por baixo volume de negócios devido ao feriado nos Estados Unidos.
Às 12h36 (de Brasília), o dólar à vista, referência no mercado financeiro, tinha queda de 0,16%, a R$ 4,029 na venda. Já o dólar comercial, utilizado no comércio exterior, se desvalorizava em 0,07%, a R$ 4,044
"Em um dia como hoje, o mercado fica sem referencial. Os mercados externos estão marginalmente mais favoráveis, mas o cenário como um todo continua difícil", disse o estrategista do Banco Mizuho, Luciano Rostagno.
Preocupações com a saúde da economia chinesa e a volatilidade nos preços do petróleo vêm alimentando profunda aversão a risco nos mercados globais nas últimas semanas.
O contrato do petróleo dos EUA chegou a atingir as mínimas desde 2003 nesta sessão, após a suspensão de sanções internacionais contra o Irã. A commodity continuava apresentando volatilidade, porém, e chegou a operar no azul ao longo da manhã.
Operadores ressaltaram que as cotações devem ficar particularmente sensíveis a operações pontuais nesta sessão, com os mercados norte-americanos fechados devido ao feriado do Dia de Martin Luther King.
O Banco Central brasileiro realizou na manhã desta segunda (18) mais um leilão de rolagem dos swaps cambiais que vencem em 1º de fevereiro, vendendo a oferta total de até 11,6 mil contratos. Até o momento, a autoridade monetária já rolou o equivalente a US$ 6,198 bilhões, ou cerca de 59% do lote total, que corresponde a US$ 10,431 bilhões.
BOLSA
Após uma semana de perdas, a bolsa brasileira operava em leve baixa nesta segunda (18). A falta de referência graças ao feriado nos EUA e a ausência de tendência no exterior faz com que o principal índice acionário brasileiro demonstre certa fraqueza.
Às 12h40 (de Brasília), o Ibovespa tinha queda de 0,83%, aos 38.247 pontos.
As ações da Petrobras, atingidas pela baixa no valor do petróleo, também registraram queda. Os papéis preferenciais, mais negociados e sem direito a voto, se desvalorizavam em 3,28%, a R$ 5,00. Já as ações ordinárias, com direito a voto, tinham queda de 2,98%, a R$ 6,50.
A Vale começou o pregão em alta, mas vem operando em leve baixa graças as dúvidas que ainda restam quanto ao desempenho da economia chinesa em um futuro próximo.
As ações preferenciais da mineradora caíam 0,10%, a R$ 9,36, enquanto que os papéis preferenciais tinham queda de 0,27%, a R$ 7,27.
PETRÓLEO
Os preços do petróleo começaram a segunda com grande volatilidade, após o Irã, grande produtor da commoditie, ter suas sanções comerciais retiradas.
A commoditie chegou a operar até em alta nesta manhã, após sofrer grande queda nos preços na sexta (15) e derrubar boa parte dos mercados globais.
Às 12h45 (de Brasília), porém, o petróleo inverteu a alta e passou a cair, atingindo os menores preços em mais de 12 anos.
O barril tipo Brent tinha queda de 1,42%, a US$ 28,54; enquanto que o WTI cai 1,63%, para US$ 28,96%

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 09/12

HELENA CORREA DE ANDRADE, recém-nascida

MAUÁ DA SERRA 09/12

CLAUDENIR COELHO SOARES, 35 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60