Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

PRF prende homem suspeito de matar o padrasto a tiro

Loading...

NA RODOVIA DO CAFÉ

PRF prende homem suspeito de matar o padrasto a tiro

Suspeito de matar o padrasto perambulava pela BR-376 - Foto - Divulgação - PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu nesta quinta-feira (3), em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, no Paraná, um homem apontado como autor da morte do próprio padrasto, ocorrida no último fim de semana em Maringá (norte do Estado).

A prisão ocorreu na BR-376 (Rodovia do Café). Inicialmente, os agentes da PRF encontraram um veículo Chevrolet Corsa Sedan abandonado, nas imediações do quilômetro 509 da rodovia. O carro tinha alerta de roubo, registrado na última terça-feira (1), em Sarandi, próximo a Maringá.

Minutos depois, a cerca de três quilômetro de onde o veículo foi apreendido, os policiais rodoviários federais abordaram um homem de 25 anos de idade que perambulava às margens da BR-376.

Rompimento de tornozeleira
Contra o homem havia dois mandados de prisão aguardando cumprimento. Ex-presidiário, ele cumpria pena no regime semiaberto, mas rompeu a tornozeleira eletrônica.


Após a abordagem, a equipe da PRF acabou por descobrir que o homem também é apontado como o principal suspeito da morte de um comerciante de Maringá, ocorrida na madrugada de sábado (29).

Cícero Batista Brás, 51 anos, foi morto com um tiro na cabeça. O corpo foi encontrado dentro de um carro, totalmente carbonizado. 

A própria mãe do suspeito confirmou à polícia que o crime foi cometido pelo filho, após supostos desentendimentos familiares. 

A PRF encaminhou a ocorrência para a 13ª Subdivisão da Polícia Civil em Ponta Grossa.



O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias