Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Nasa descobre estratosfera em exoplaneta

Loading...

ESPAÇO SIDERAL EM FOCO

Nasa descobre estratosfera em exoplaneta

Astrônomos da Nasa descobriram a evidência mais forte até o momento da presença de uma estratosfera no exoplaneta WASP-121b, que fica fora do nosso sistema solar. Estratosfera é uma camada atmosférica onde a temperatura aumenta com a altitude, e é comum em planetas no nosso Sistema Solar.  A atmosfera dos exoplanetas pode contar a história sobre o corpo celeste, além de dar pistas sobre o tipo de planeta, sua constituição, entre outras coisas.

A descoberta foi feita pelos cientistas usando o Telescópio Espacial Hubble. Embora o Hubble não seja a principal ferramenta usada na descoberta de exoplanetas, o equipamento por enquanto ainda continua sendo utilizado no estudo da atmosfera de tais corpos celestes. O resultado da pesquisa foi publicado na última edição da revista Nature.

Júpiter quente
O Wasp-121b é um Júpiter Quente, que tem 1.2 vezes a massa de Júpiter e 1.9 vezes o raio do gigante Gasoso do Sistema Solar. Ele leva 1.3 dias para dar uma volta ao redor da sua estrela e está localizado a cerca de 900 anos-luz de distância da Terra.

O estudo da estratosfera do planeta foi feito analisando como diferentes moléculas reagem a comprimentos de ondas particular, usando assim as excelentes capacidades de espectroscopia do Hubble.

Vapor d'água
 Os cientistas chegaram à conclusão da presença da estratosfera após a confirmação da presença de vapor d'água. A emissão de luz das moléculas de água indicam que a temperatura está aumentando com a altitude, e se isso acontece, quer dizer que o exoplaneta possui uma estratosfera.

No Sistema Solar, a estratosfera existe na Terra, onde o ozônio é responsável por aumentar a temperatura, e em Júpiter, Saturno e Titã, onde o metano faz esse papel.

A mudança de temperatura dentro da estratosfera no Sistema Solar é de cerca de 56 graus Celsius; já no Wasp-121b, a alteração de temperatura é de 560 graus Celsius.

Questões intrigantes
A grande descoberta suscita mais uma vez questões intrigantes. Nesse caso, a principal delas, é: qual os componentes químicos responsáveis por esse aumento de temperatura? 

Os pesquisadores apostam no óxido de titânio e em outros elementos que necessitam de alta temperatura para se manterem em estado gasoso. Mas os pesquisadores aguardam pela entrada em funcionamento do telescópio James Webb para encontrar a resposta definitiva para essa pergunta.

As informações são do portal da Nasa

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias