Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Polícia prende suspeito de fraudar benefícios de aposentados e pensionistas

Loading...

CURITIBA

Polícia prende suspeito de fraudar benefícios de aposentados e pensionistas

Suspeito preso fraudava benefícios de aposentados e pensionistas do INSS - Foto: Arquivo/Imagem ilustrativa

A Polícia Civil do Paraná prendeu um homem de 50 anos, na manhã desta quarta-feira (12), suspeito de fraudes envolvendo benefícios de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) em flagrante no interior de uma agência bancária no bairro Alto da XV, em Curitiba.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito fraudava os documentos para consumar os saques e teria feito dezenas de vítimas. Ele tinha um mandado de prisão em aberto, expedido pela Justiça Federal, por fraudar vários documentos contra o INSS.  O golpista foi detido no momento em que tentava abrir uma conta em nome de terceiros.

Conforme o delegado Wallace Brito de Oliveira, o suspeito confessou o crime em depoimento e alegou ter pago R$ 300 pela falsificação dos documentos com o objetivo de abrir conta bancária.

O fraudador foi identificado após a agência bancária desconfiar da documentação apresentada. "O homem desconfiou que a polícia seria acionada e conseguiu se desfazer de toda a documentação apresentada para abertura da conta, porém, a gerente do banco já havia xerocado os documentos", detalhou o delegado.

Crimes e pena
O preso deve responder pelos crimes de estelionato e falsificação ideológica, além das fraudes cometidas contra o INSS. Caso seja condenado, ele poderá pegar pena mais de 10 anos de reclusão.

As informações são da Polícia Civil do Paraná

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias