Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Em Curitiba, arma dispara sozinha em sala de ressonância e bala fere policial 

Loading...

TIRO ACIDENTAL

Em Curitiba, arma dispara sozinha em sala de ressonância e bala fere policial 

Pistola do policial ficou grudada em equipamento de ressonância - Foto: Divulgação

Um sargento do serviço reservado (P2) da Polícia Militar (PM) do Paraná ficou ferido na manhã desta sexta-feira (17) após uma arma ter disparado acidentalmente. Conforme testemunhas, o sargento entrou em uma clínica na Rua Padre Ildefonso, no bairro Batel acompanhando seu pai que é cadeirante. 

Ao entrar na sala de ressonância magnética, a arma que estava no coldre disparou sozinha, atingindo o celular que estava no bolso do policial e sua perna. Ele foi socorrido pelos médicos da clínica. Após o disparo, a arma saiu do coldre, voou e ficou "grudada" no equipamento de ressonância.

A equipe médica pediu apoio ao Siate para ajudar a socorrer a vítima, que foi encaminhada ao Hospital Evangélico sem risco de morte. A arma do policial seria uma pistola Taurus 24/7 calibre .40. 

Uma equipe da Polícia Militar acompanha o caso, aguardando para que todo o equipamento seja desmagnetizado e a arma possa ser retirada. 

Vibração e disparo
Um especialista em armamentos relatou que se a vibração magnética for capaz de fazer por ressonância a espoleta vibrar mecanicamente até o limite do choque então pode fazer a arma disparar, ocasionando o disparo acidental, como ocorreu.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias