Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Mergulhadores são atraídos pelo mistério da "Atlântida japonesa" 

Loading...

ARQUITETURA ALIENÍGENA?

Mergulhadores são atraídos pelo mistério da "Atlântida japonesa" 

Mergulhador na 'Atlântida japonesa': arquitetura alienígena? Foto: Reprodução/Instagram

Uma região rochosa no fundo do Oceano Pacífico, nas redondezas de Yonaguni Jima, no Japão, atrai cada vez mais mergulhadores de diversos países. O porquê está no questionamento que perdura desde a sua descoberta, em 1987: natural ou artificial?

O local, também bastante visitado por tubarões-martelo, é conhecido como "Atlântida japonesa", por causa de estruturas que se parecem com castelos em ruínas, templos e até estádios. Para muitos, são formações de uma antiga cidade, que acabou em ruínas por causa de um forte terremoto. A civilização que habitava a região data de 8 mil anos antes de Cristo, de acordo com algumas teorias.

O biólogo marinho japonês Masaaki Kimura, da Universidade de Ryukyu, identificou dez estruturas fora de Yonaguni e outras cinco estruturas relacionadas ao largo da ilha principal de Okinawa. 

As estruturas incluem as ruínas de um castelo, um arco triunfal, cinco templos e pelo menos um grande estádio, conectados por estradas e canais de água e o parcialmente protegidos pelo que poderiam ser grandes muros de contenção

No total as ruínas cobrem uma área que mede 984 pés por 492 pés (300 metros por 150 metros). Kimura acredita que foram terremotos que propiciaram o surgimento de uma civilização submersa, pois Yonaguni está em uma região sísmica. 

O local no Japão foi descoberto em 1987 Foto: Reprodução/Instagram

Arquitetura alienígena?
Há, ainda, os que acreditam que Yonaguni seja produto de "arquitetura alienígena". "A maior estrutura parece uma pirâmide complicada, monolítica e escalonada que sobe de uma profundidade de 25 metros", afirma o biólogo marinho japonês.

As informações são do portal heritageofjapan.wordpress.com

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias