Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Como nascem os espíritos?

Loading...

PERGUNTA BÁSICA

Como nascem os espíritos?

O estudioso da doutrina Espírita Morel Felipe Wilkon explica que creação é incessante - Foto: www.espiritoimortal.com.br/imagem ilustrativa

Muitas pessoas se perguntam se existe ou não reencarnação, se são os mesmos espíritos que voltam sempre, de onde vem e como nascem os espíritos? São questionamento básicos feitos por quem não é Espírita e o tema mexe com o inconsciente coletivo.

Outra pergunta recorrente em relação ao assunto: na época de Jesus, por exemplo, algumas centenas de milhões de pessoas habitavam no mundo. Hoje existem mais de sete bilhões – de onde vieram esses espíritos? A conta não fecha.

O estudioso da doutrina Espírita Morel Felipe Wilkon explica que creação é incessante. "A creação é permanente. A ciência demonstra, a partir de A Origem das espécies, de Darwin, que existe uma tendência para a evolução. Mesmo que a teoria de Darwin não seja perfeita (ele mesmo reconhecia isso), é inegável que há no mundo, na natureza, no universo, uma tendência ao aperfeiçoamento. Tudo caminha, a passos lentos, em direção ao progresso", pontua Morel. 

Segundo ele, a ciência demonstra que o universo está em expansão. "Existe um Princípio Creador no universo, que nós chamamos de Deus (infelizmente ainda os confundimos com um ser; Deus não é um ser – não sabemos o que é, mas sabemos que Deus não é um ser), que está sempre creando; sua função intrínseca é crear. Se quisermos nos apoiar no Evangelho, Jesus afirma em João 5:17, que “o Pai trabalha até agora”, ou seja, Deus não deixa de trabalhar nunca. Portante, se Deus está sempre creando, se a creação é incessante, sempre surgem novos espíritos. É claro que eles não surgem como nós, já relativamente desenvolvidos", explica.

Matéria no mais alto grau de evolução
A própria ciência reconhece que o ser humano é a matéria em seu grau mais elevado de evolução, pois tem consciência.  De acordo com Morel Felipe Wilkon, a Terra é um estágio de evolução, é um planeta-escola e sempre estão sendo creados novos espíritos. 

Jesus no topo
"O certo é que um dia sairemos daqui. Um dia, quando alcançarmos o máximo progresso possível na Terra, seremos promovidos para um nundo melhor, mais evoluído. O máximo de evolução que conhecemos é Jesus, nosso modelo e guia. Seguindo o ensinamento de Jesus, exposto no Evangelho, alcançaremos, um dia, condições para vivermos num mundo melhor. Enquanto esse dia não chega, façamos da Terra um mundo melhor. Melhorando a nós mesmos melhoramos o mundo", completa Morel.


As informações são do portal espiritoimortal.com.br

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias