Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

PM encontra adolescente que ficou desaparecido por três dias no Paraná

Loading...

LITORAL

PM encontra adolescente que ficou desaparecido por três dias no Paraná

Moradores e turistas que estão nas cidades do Litoral do Paraná Foto: ANPr (imagem ilustrativa

Um adolescente de 16 anos, que tinha saído de casa na última quarta-feira (20/01) e estava desaparecido desde então, foi encontrado na tarde de sexta-feira (22/01), nas proximidades da Marina Carolinaz, em Guaratuba (PR), no Litoral do estado. A Polícia Militar, atuante no “Verão Paraná 2015/2016”, fez buscas por toda a cidade e, após divulgação da situação pela PM e pela Polícia Civil, o garoto foi identificado por um morador, que avisou os policiais.

O jovem foi encaminhado ao hospital de Guaratuba para passar por uma avaliação médica e se recupera em casa.Berenice Silva de Abreu Gamba, mãe de Figner Eduardo de Abreu Gamba, contou que no final da tarde de quarta-feira, ela deixou o filho trocando de roupa no quarto para terminar um serviço na parte externa da casa e, quando retornou, ele já tinha saído. No mesmo dia, ela foi à delegacia de Guaratuba e registrou boletim de ocorrência. Na manhã de sexta-feira, a mulher entrou em contato com a PM por meio do telefone 190 e relatou que o menino poderia estar no bairro Piçarras. 

“Uma equipe policial, juntamente com a mãe do garoto, iniciou buscas pela região e distribuiu panfletos, cartazes, conversou com dezenas de moradores e pescadores, divulgou nas redes sociais a imagem do desaparecido e deixou um telefone para contato”, contou o Coordenador de Policiamento de Unidade (CPU), tenente Vergílio Requi Nunes.“Sexta-feira pela manhã encontrei dois anjos (soldado Daniela e soldado Eduardo) que foram muito atenciosos, nos colocaram na viatura e fomos juntos procurar meu filho. Essa dupla foi maravilhosa, se mostrou empenhada e disposta a procurar o Figner”, disse Berenice.

Ao fim da manhã, a mãe retornou para sua casa, porém a equipe persistiu no trabalho durante a tarde. Por volta de 15 horas, os policiais foram acionados pela Marina Carolinaz, que fica no bairro Piçarras. “Um homem que passou de jet-sky próximo a um mangue viu o rapaz e o reconheceu nos panfletos distribuídos pela PM. Quando chegamos ao local, constatamos que era o garoto que procurávamos e o encaminhamos ao hospital da cidade pois estava com escoriações pelo corpo e apresentava cansaço”, explicou o tenente.O Conselho Tutelar foi acionado e acompanhou o adolescente ao hospital. A mãe foi até o hospital e o reencontro, segundo a senhora Berenice, foi emocionante.

“Eu estava panfletando a foto dele na praia quando recebi a notícia. Foi um milagre terem encontrado, pois estava muito frágil, com vários arranhões pelo corpo, acredito que se passassem mais algumas horas ele poderia ter morrido”, falou Berenice.O garoto ficou em observação no hospital até às 23 horas e agora se recupera em casa. “Isso [as buscas policiais] mostra que muitas vezes o papel da Polícia Militar vai além de simplesmente atender uma ocorrência e ir embora. A equipe policial empenhou-se ao máximo para encontrar esse menino e os policiais militares, ao verem o sofrimento da mãe, não pouparam esforços até trazer o filho de volta aos braços da sua genitora”, completou o tenente Requi.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 08/12

ÂNGELO RODRIGUES, 70 anos

CALIFÓRNIA
ENACIR MARIA CARDOSO, 53 anos

JANDAIA DO SUL 08/12

MARIA DO ROSARIO DE SOUZA BORGES, 50 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60