Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Vigilância Sanitária fica em alerta após aumento de casos de intoxicação por chumbinho 

Loading...

VENENO

Vigilância Sanitária fica em alerta após aumento de casos de intoxicação por chumbinho 

A Vigilância Sanitária, da Secretaria de Saúde do Paraná (Sesa), está em alerta após o aumento de casos de intoxicação por chumbinho em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. A situação foi relatada pelo vice-prefeito da cidade, Tonhão da Saúde, durante o Jornal da Banda B desta quinta-feira (7).

Segundo ele, no final de dezembro do ano passado, foram registradas diversas ocorrências de envenenamento no município. “Graças a Deus, as vítimas estão estabilizadas na Unidade de Pronto Atendimento 24 horas, enquanto as mais graves foram deslocadas para hospitais de alta complexidade na capital. Felizmente, não tivemos nenhum óbito até o momento”, disse ele em entrevista ao radialista Geovane Barreiro,

De acordo com a engenheira agrônoma Marli Sallete Zandona, da Vigilância de Produtos da Sesa, fiscalizações em 236 cidades do estado resultaram na notificação de 75 estabelecimentos e na apreensão de 3.288 frascos de 100 ml de substâncias ilegais. O chumbinho, que é composto por venenos agrícolas desviados do campo para serem usados como raticidas, é um dos mais preocupantes.

“Esse é um produto proibido no Paraná desde 2006 e, nacionalmente, desde 2012. Além da forma granulada, mais conhecida popularmente, existe também a líquida. Geralmente, não há nenhuma informação na embalagem, só o nome e o preço, o que dificulta ainda mais o atendimento médico em caso de intoxicação”, explicou a engenheira. Orientações Para evitar qualquer tipo de problema, Marli Zandona orienta o consumidor a comprar apenas produtos que são registrados na Anvisa. “Além disso, é importante manter os quintais sempre limpos, sem restos de alimentos, e denunciar os comerciantes que vendem substâncias ilegais”, concluiu ela. Em caso de envenenamento, a vítima deve ser levada ao hospital o mais rápido possível com o frasco do produto. O telefone para denúncias é o 0800-644-4414.

FONTE- bandab.com.br

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

JANDAIA DO SUL 20/02

GERALDA G. OLIVEIRA, 74 ANOS.

IVAIPORÃ 20/02

MARIA F. A. SANTOS, 59 ANOS

MEGA SENA

CONCURSO 1904 · 18/02/2017

12 15 18 21 51 56