Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Programa de defesa da criança faz mais de 46 mil atendimentos no Paraná

Loading...

JUNÇÃO DE SERVIÇOS

Programa de defesa da criança faz mais de 46 mil atendimentos no Paraná

O Programa Núcleo de Estudos de Direitos e Defesa da Criança e do Adolescente (NEDDIJ) realizou, em 2015, mais de 46 mil atendimentos nos 10 núcleos localizados nas universidades estaduais. Foto: Divulgação

O Programa Núcleo de Estudos de Direitos e Defesa da Criança e do Adolescente (NEDDIJ) realizou, em 2015, mais de 46 mil atendimentos nos 10 núcleos localizados nas universidades estaduais do Paraná. Criado há dez anos, o programa atua no enfrentamento da violência contra a criança e o adolescente, com atendimento jurídico, psicológico, pedagógico e social gratuitos para as famílias carentes. Os atendimentos podem ser feitos na UEL (Londrina), UEM (Maringá), UENP (Guarapuava), UEPG (Ponta Grossa), Unicentro (Guarapuava), Unicentro (Irati), Unioeste (Marechal Cândido Rondon), Unioeste (Francisco Beltrão), Unioeste (Foz do Iguaçu) e Unespar. 

“Os atendimentos mais comuns são de alienação parental, vítimas de violência física e sexual, regularização de guardas, falta de vaga em creche, entre outros. É muito gratificante poder fazer a diferença na vida destas crianças e adolescentes, que muitas vezes não têm mais a quem recorrer. A sensação de poder fazer justiça e de levar conforto e paz a cada atendimento não tem preço”, destacou a advogada do núcleo da UEL, Camila Talita Amancio. 

Conforme a Agência Estadual de Notícias, a junção dos serviços prestados em um único local tem encorajado as famílias a buscarem ajuda, resultando no aumento no número de atendimentos às vítimas ao longo dos anos. “São muitos os casos que nos marcam diariamente. É impressionante o grande número de crianças com direitos violados em diversos aspectos. Recentemente atendi uma tia que pedia a guarda do sobrinho, de cinco anos, que estava em situação de extrema negligência em casa, com a mãe dependente química e com o pai preso. Passando fome, se alimentando apenas quando ia à escola, tendo que conviver com usuários de droga, dividindo espaço com animais”, contou emocionada a psicóloga do núcleo da UEM, Amanda Amancio da Silva. 

Este ano, até o mês de setembro, foram atendidos nos 10 núcleos do Neddij mais de 9 mil crianças e adolescentes em situação de risco e vulnerabilidade social. Na região de Foz do Iguaçu foram registrados no núcleo da Unioeste, até mesmo, casos de venda de crianças e adoção ilegal de paraguaios. Recentemente o núcleo voltou a atender, também, crianças e adolescentes em conflito com a lei. “Atendemos pré-adolescentes e adolescentes que cometeram algum ato infracional mas que respondem ao processo em liberdade ou que cumprem penas alternativas. Em grande parte são famílias desestruturadas com uma renda mínima para o sustento de vários integrantes e que precisam de apoio para sua recuperação. Infelizmente a droga está presente em muitos casos. Uma das situações que me comoveram muito foi a de um menino de apenas 12 anos e já com três passagens pela polícia”, relata o advogado André Eyng. 

HISTÓRICO - O Núcleo foi criado por convênio celebrado entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior e as Instituições Estaduais de Ensino Superior em 2006. O objetivo é consolidar uma rede de atendimento e defesa dos direitos da criança e do adolescente que se encontrem em situação de risco, tendo seus direitos violados ou ameaçados de serem violados, assim como àquele a quem se atribua a prática de atos infracionais. Colabora na formação de um sistema de garantias de direitos da criança e do adolescente paranaense ao mesmo tempo em que estimula o estudo e a pesquisa nesta área. 

Serviço: Mais informações sobre o atendimento realizado nos núcleos do Neddij nas universidades estaduais podem ser obtidas pelos seguintes telefones: 

UEL: (43) 3344 - 0927 

UEM: (44) 3011 - 3689 

UENP: (43) 3525 - 0862 

UEPG: (42) 3220 - 3303 

Unicentro (Guarapuava): (42) 3621 - 1311 

Unicentro (Irati): (42) 3421 - 3203 Unioeste (Marechal Cândido Rondon): (45) 3284 - 7854 

Unioeste (Francisco Beltrão): (46) 3520 - 4868 

Unioeste (Foz do Iguaçu): (45) 3308 - 8000 

Unespar: (44) 3424 - 0100 ramal 158.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 03/12

ALTAIR RAIMUNDO DE SOUZA, 46 anos
AMADEU FERNANDES, 58 anos

ARAPONGAS 02/12

DAVI DE SOUZA, 54 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1881 · 30/11/2016

03 10 30 44 53 56