Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Treinamento de base envolve mais de 3 mil atletas em Apucarana

Loading...

ESPORTES

Treinamento de base envolve mais de 3 mil atletas em Apucarana

Treinamento de base envolve mais de 3 mil atletas em Apucarana

Nos últimos quatro anos, Apucarana está fazendo um amplo trabalho de base, visando a revelação de talentos e a formação de equipes competitivas. Atualmente, mais de 3 mil atletas participam de atividades de iniciação e de treinamentos de base, em diversas modalidades. O trabalho de reconstrução do esporte está sendo feito por etapas, mas alguns frutos já estão sendo colhidos e a expectativa é ainda maior para os próximos cinco anos.

O prefeito Beto Preto, que foi atleta na sua infância e juventude, destaca a relevância que a atividade esportiva gera na formação do caráter dos cidadãos do futuro. “A prática esportiva tem um papel fundamental no perfil dos jovens e considero isso imprescindível”, ressalta ele, acrescentando que vem resgatando as escolinhas de base em todas as modalidades.

A secretária municipal de Esportes e Lazer, Jossuela Pinheiro, se reuniu na semana passada com a equipe de treinamentos para avaliar as atividades e para traçar novas metas. “Estamos fazendo um trabalho de resgate do esporte em Apucarana e isso está ocorrendo por etapas, pois não conseguiremos mudar de um ano para outro o cenário esportivo de Apucarana que ficou por décadas paralisado”, argumenta Jossuela.
O primeiro passo, conforme a secretária, foi a revitalização e manutenção das principais praças esportivas da cidade, dotando Apucarana de locais apropriados para sediar competições e para treinamentos. 

“O principal exemplo é o Complexo Esportivo Lagoão que foi completamente revitalizado, abrangendo desde o ginásio até a pista de atletismo, incluindo ainda a ativação da piscina semi-olímpica e térmica”, enumera, citando ainda melhorias que foram feitas em espaços como os ginásios do Caveirão (Distrito de Pirapó), Cebolão (Jardim Ponta Grossa), Caic e o Estádio Olímpio Barreto, entre outros.
Outro passo importante foi a aquisição de material esportivo oficial, de qualidade e na quantidade necessária para atender todos os atletas interessados em participar das atividades. “Cada uma das 37 escolas municipais também recebeu o kit de miniatletismo, possibilitando atividades de iniciação ao esporte em diversas modalidades”, frisa.

Somente o atletismo nas escolas envolve cerca de mil estudantes, do 4º e do 5º  anos, ofertando ludicamente  atividades como saltos (em distância, altura e com vara), lançamentos (disco, martelo e dardo), arremesso de peso e corridas (velocidade, meio fundo, fundo, barreiras e obstáculos).
Ainda no atletismo, Apucarana oferece treinamentos para atletas que representam o Município em competições nas categorias sub-10, sub-14, sub-16, sub-18, sub-20 e sub-23, além do adulto e da categoria paraolímpica. 

“Os treinamentos ocorrem na pista de Atletismo do Lagoão em três períodos:  manhã, tarde e noite”, observa a professora de educação física, Luciane Yoshiko.
Preocupado em facilitar o acesso dos atletas, o Município mantém ainda um local de treinamento no Distrito de Vila Reis e também faz o transporte quando solicitado. “É o caso de atletas de Aricanduva, que são transportados até o Complexo Esportivo do Lagoão para participar dos treinamentos”, reforça o professor José Marcelino da Silva (Grilo).

Ginástica Rítmica retorna após 15 anos
A ginástica rítmica é outro exemplo do resgate que está sendo promovido. “É uma modalidade que ficou 15 anos parada no Município. Hoje temos 60 crianças envolvidas em atividades de iniciação, com idades entre 7 e 13 anos”, afirma a professora Neusa Maria da Silva, salientando que a partir dos próximos dias os atletas-destaque intensificarão os treinamentos.

A piscina que fica anexa ao Complexo Esportivo do Lagoão faz parte de todo o trabalho de reconstrução. Entregue no apagar das luzes pela gestão que antecedeu a de Beto Preto, a piscina não pôde ser utilizada por apresentar vazamento. “A Prefeitura fez todo um esforço para sanar o problema e ainda ativou a piscina aquecida, que funciona das 7h30 às 21 horas. Hoje a natação e a hidroginástica envolvem cerca de 700 pessoas, de várias faixas etárias.  Temos alunos de até 88 anos de idade”, destaca Jossuela Pinheiro.

Os treinamentos de base envolvem cerca de 20 professores e técnicos. Além do atletismo e da natação, a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer mantém ainda treinamentos de basquete, futsal, handebol, vôlei, futebol de campo, xadrez, tênis de mesa, rugby, artes marciais e danças latinas.
“Temos ainda o Programa Corpo e Vida Saudável que atende 110 mulheres com atividades de alongamento, fortalecimento, step, jump, fit Ball e aula funcional. Também desenvolvemos o Projeto Esportes e Cidadania, em parceria com a Petrobrás, ofertando o judô, karatê e arte e cultura”, completa Jossuela.


RESULTADOS – Todo esse trabalho já vem produzindo resultados, mas os frutos maiores deverão ser colhidos no horizonte de 5 a 10 anos. “Recentemente, a equipe de Apucarana venceu a fase regional dos Jojup’s no futebol masculino e no basquete feminino. Também estamos avançando no atletismo, com muitos atletas que estão despontando e que certamente ainda vão alcançar grandes feitos”, avalia Jossuela Pinheiro.


Paralelamente ao trabalho de manutenção das praças esportivas e dos treinamentos, Apucarana promove mais de 15 competições e festivais ao longo do ano, abrangendo o pedestrianismo, futsal, futebol de campo, natação e atletismo. “E, frequentemente, somos escolhidos para sediar finais de jogos como os Jojup’s, JEP’s, JAP’s e o Bom de Bola”, finaliza a secretária municipal de Esportes e Lazer.
 
NÚMEROS DA INICIAÇÃO AO ESPORTE

Miniatletismo nas escolas – 1.000 alunos
Atletismo categoria adulto e menores – 330 atletas
Ginástica rítmica e artística – 60 crianças
Natação e hidroginástica – 700 pessoas
Projeto Atleta Nota 10 – 200 meninos
Projeto Esporte e Cidadania – 90 jovens
Programa Corpo e Vida Saudável – 110 mulheres
Escolas de basquete, futsal, handebol, vôlei, xadrez, tênis de mesa, rugby, artes marciais e danças latinas    –  800 participantes

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias