Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Pioneiro é homenageado na Festa da Cerejeira em Apucarana

Loading...

NA ACEA

Pioneiro é homenageado na Festa da Cerejeira em Apucarana

Pioneiro Hisao Kiyoku, de 95 anos, é um dos mais antigos comerciantes de Apucarana - Foto: Divulgação

A 23ª Festa da Cerejeira prossegue neste domingo (11) com extensa programação. O evento teve na noite de sexta-feira a sua abertura oficial, com a presença do Cônsul-Geral Adjunto do Japão, Hiroshi Teramichi, e do deputado federal Luiz Nishimori, além de autoridades locais. Na solenidade foi prestada homenagem especial ao pioneiro Hisao Kiyoku, de 95 anos, que é um dos mais antigos comerciantes de Apucarana, mantendo uma bicicletaria há 70 anos, na Barra Funda.

O presidente da Associação Cultural e Esportiva de Apucarana (ACEA), Kenite Ishida, destacou na abertura, que a Festa da Cerejeira está inclusa no calendário turístico nacional. O coordenador da festa, Satio Kayukawa, lembrou que o evento presta homenagem aos pioneiros japoneses que aportaram em Apucarana e Norte do Paraná em 1936. “Estamos valorizando a cultura nipônica e, ao mesmo tempo, confraternizando com as demais etnias”, ressaltou.

O Cônsul Hiroshi Teramichi, se manifestou honrado por presenciar em Apucarana, os descendentes japoneses mantendo viva a cultura do Japão. “Exaltamos aqui as virtudes dos japoneses que têm o respeito e a confiança dos brasileiros”, sentenciou Teramichi.

Festa da Cerejeira, na Acea, em Apucarana: evento tradicional - Foto - Divulgação

O deputado federal, Luiz Nishimori, saudou autoridades e o público, e enalteceu a organização da colônia japonesa de Apucarana. Ele anunciou que já negocia com o consultado e a Embaixada do Japão no Brasil, a vinda da Família Imperial, para a comemoração dos 110 anos de imigração japonesa no Brasil.

O vice-prefeito Sebastião Ferreira Martins Junior, representando o prefeito Beto Preto, afirmou que com a Festa da Cerejeira, os japoneses deixam viva suas tradições e raízes. “No próximo ano, durante as comemorações dos 110 anos da imigração japonesa no Brasil, o prefeito Beto Preto deve entregar a Praça do Japão, em área já reservada no Parque Jaboti”, anunciou Junior da Femac. 

  Momento solene na Festa da Cerejeira - Foto - Divulgação

Mesmo com frio intenso, a festa teve a presença de grande público, visitando os estandes de automóveis, artesanato e produtos da agricultura familiar. A exemplo de anos anteriores, o principal atrativo continua sendo a praça de alimentação com shows musicais e a saborosa culinária japonesa. Os pratos mais consumidos são o sukiyaki, yakissoba, tempurá e sushi, além de pastéis, churrasquinho e grande variedade de doces. A Festa da Cerejeira prossegue neste domingo até às 22 horas.  

O evento teve a benção do Monsenhor Roberto Carrara. Da abertura também participaram o tenente-coronel Francisco Cardoso, comandante do 10º BPM; tenente-coronel José Luiz Deina, comandante do 30º Bimec; capitão Rossato, do Corpo de Bombeiros; Jayme Leonel, presidente da Acia; e Luiz Carlos Jacovassi, gerente regional da Sanepar.

 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias