Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Bananeira vira matéria-prima de artesanato em Apucarana

Loading...

APROVEITAMENTO

Bananeira vira matéria-prima de artesanato em Apucarana

Bananeira também começa a servir de matéria-prima para a produção de artesanato. Foto: Delair Garcia

Além de dar frutos que são ingrediente principal de muitos produtos da agricultura familiar, a bananeira também começa a servir de matéria-prima para a produção de artesanato. Esse é o mote de um novo projeto das mulheres que integram o programa Economia Solidária e Protagonismo Feminino, da Secretaria da Mulher e Assuntos da Família, de Apucarana. As fibras do caule da planta vão se transformar em chapéus, bolsas, esteiras, abajures, lustres, e outros vários acessórios.

A diretora do programa Bete Berton diz que a ideia surgiu recentemente através de pesquisas na internet e já conta com 10 participantes de Apucarana e do Distrito Pirapó. Na manhã de ontem, a diretora e duas participantes do programa, acompanhadas do artesão de Rolândia, Pez Santin – especializado neste tipo de artesanato - foram até a localidade para separar as fibras para dar início à confecção das peças. Bete explica que o programa vai ensinar todas as etapas, desde a retirada do caule, até que ele seja transformado em fibras e a confecção das peças. Além do artesanato, as mulheres irão aproveitar a banana e sua casca, e investir também na parte gastronômica. 

Elas irão produzir bolos, biomassa, barrinhas de cereal, entre outros pratos com a fruta e casca. “Sempre procuramos atividades novas para motivar as mulheres e trabalhos exclusivamente artesanais”, ressalta.A dona de casa Débora Bermudes de Favere, 46 anos, do Pirapó, e a artesã Lídia Naomi Kinoshita, 58, de Apucarana, integrantes do grupo Economia Solidária, estão adorando a experiência com o material extraído da bananeira. “Além de amar esse trabalho, ainda ajudo na renda de casa. Já produzi uma bolsa com essas fibras”, adianta Lidia. Débora concorda com a colega. “É algo que distrai bastante. Já fiz duas bolsas neste período”, garante.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

IVAIPORÃ 23/02

MARIA JOSÉ PEREIRA, 90 ANOS
MARTA MARIA DA SILVA OLIVEIRA, idade não divulgada
SEBASTIANA RECHE RIBEIRO, 87 ANOS

APUCARANA 23/02

JOÃO DA ROCHA GREGORIO, 68 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1906 · 23/02/2017

06 27 33 39 40 60