Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Projeto da Secretaria da Mulher conquista premiação estadual

Loading...

ECONOMIA SOLIDÁRIA

Projeto da Secretaria da Mulher conquista premiação estadual

(Foto: Edson Denobi)

Há cerca de dois anos, a Secretária da Mulher e Assuntos da Família de Apucarana, inovou com uma política pública voltada à promoção da autonomia e empoderamento da mulher, criando o Projeto de Economia Solidária e Protagonismo Feminino, que conquistou o troféu de primeiro lugar, no “9º Prêmio Ozires Silva de Empreendedorismo Sustentável”, na categoria “Empreendedorismo Econômico” da modalidade “Micro e Pequeno Porte”. A premiação aconteceu na última quarta-feira (17/02) em Curitiba e o anúncio da conquista apucaranense foi feito ontem, quinta-feira (18/02) pelo prefeito Beto Preto e pela secretária Municipal Denise Canesin Machado, durante entrevista coletiva.

Uma iniciativa do Instituto Superior de Administração e Economia - ISAE e do Grupo Paranaense de Comunicação (GRPCOM), com apoio do Sebrae/PR e Itaipu Binacional, o prêmio tem por objetivo reconhecer os melhores projetos estaduais nas áreas de empreendedorismo e sustentabilidade que contribuam para o desenvolvimento da sociedade. O prêmio Ozires Silva de Empreendedorismo Sustentável, está na sua 9ª edição. E esse ano bateu recorde de inscritos: 128 projetos de nove estados diferentes. “Aquilo que começou em Curitiba, se tornou uma um prêmio de âmbito nacional”, afirma o presidente do Isae-FGV, Norman de Paula Arruda Filho.

O Projeto de Economia Solidária e Protagonismo Feminino de Apucarana, enfrentou fortes concorrentes em sua categoria, dentre eles capitais estaduais, salientando assim, que seus esforços, mesmo sendo de uma cidade menor, foram capazes de fazer com que os olhos da banca julgadora, composta por doutores, se virasse a tal desenvolvimento, valorizando ainda mais o trabalho da Secretária Municipal da Mulher e da Prefeitura de Apucarana.

“Este projeto de Economia Solidária de Apucarana tem dado tão certo porque é algo que vem sendo montado de forma diferente do que em outras cidades. Aqui ela vem sendo construída de baixo para cima, com a força do empreendedorismo e protagonismo feminino inerente às apucaranenses. A conquista deste prêmio revela que estamos no caminho certo”, disse o prefeito Beto Preto, salientando que dos cerca de 20 mil empregos gerados pelo setor de confecções do município, pelo menos 17 mil são ocupados por mulheres.

A secretária Denise Canesin, que encabeça a iniciativa e participou do evento de premiação na capital paranaense, fez um relato dos dois anos do projeto e falou sobre a honra de, em nome da “Rede de Mulheres Solidárias de Apucarana”, receber o troféu de primeiro lugar. “Esta conquista comprova que a Secretaria da Mulher de Apucarana está avançando em suas ações a cada dia, mérito de uma equipe competente, a qual eu estendo a minha gratidão. E, às mulheres participantes do projeto, parabéns pela garra e determinação”, disse Denise. 

O projeto é realizado com a consultoria Colmeia. “Um dos segredos do sucesso da economia solidária em Apucarana são a sua base, que está calcada na educação popular, e a abertura dada pelo prefeito, sem a qual nada teria acontecido. Nas capacitações da rede solidária utilizamos um diálogo dentro da realidade da mulher e o que temos acompanhado é a afirmação de um processo de emancipação de fato. Não só no sentido financeiro, mas no sentido da vida, uma vez que grande parte chega em um processo de baixa-estima e, no projeto encontra o“start” que faltava”, salientou Renato Munhoz,  educador popular, consultor do projeto.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias