Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Família do Norte do PR ganha a vida na dublagem profissional

Loading...

DANDO VOZ A PERSONAGENS

Família do Norte do PR ganha a vida na dublagem profissional

Irmãos Bruna e Alexandre com o pai Helber: os três trabalham como dubladores | Foto: Arquivo pessoal

Populares no universo infantil, os Power Rangers têm uma versão apucaranense. Como? É que a dubladora da ranger rosa, a Shelby, é uma jovem dubladora chamada Bruna Rafaela Silva, 19 anos, nascida na cidade. E ela não é a única. O irmão, Alexandre Miguel, também empresa a voz para produções de TV e cinema. Tudo influência do pai, o faxinalense Helder Antônio Silva, 55.

Hoje a família de dubladores mora em São Paulo, mas o dublador profissional Helder Antônio da Silva, nascido em Faxinal, foi criado em Apucarana e morou aqui até 2009. Depois que a família mudou para São Paulo é que todos entraram na profissão. “Algum tempo depois que chegamos em São Paulo procurei um curso de especialização em dublagem, pois já era ator. Levei meus filhos ao estúdio comigo para fazer um teste e eles gostaram tanto que decidiram apostar na profissão também”, explica o pai.

Bruna e Alexandre começaram a dublar em 2011. Além da participação atualmente na série “Power Rangers Dino Charge” com o personagem Shelby, a garota já fez participações em filmes e na novela juvenil argentina “Consentidos”, dando a voz para a personagem Amy. Por conta desse trabalho, sua voz foi para continente africano. A novela, que não passa no Brasil, é dublada e vendida para países de Língua Portuguesa na Áfrioca.

O irmão de Bruna, Alexandre, também atua como dublador na mesma novela, dando a voz ao personagem Batista. O rapaz também é a voz do Papa João XXIII quando criança com o personagem Ângelo, no filme “João XXIII”. A família inteira, aliás, dubla a novela Argentina.

O pai Helder também participa da obra com o personagem Fantasmas. Ele também fez várias participações em filmes como “Cubo Zero”, com o personagem Bartock; “A Recruta Hollywood”, como Dr. Moor. “Dublar é gratificante. É muito bom saber que as pessoas ficam mais felizes nos ouvindo, mesmo que elas não saibam quem somos”, acredita Helder.

Para quem quer ser dublador, Helder explica que é necessário ser ator profissional e também procurar um curso de especialização na área de dublagem.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas Notícias

OBITUÁRIO

APUCARANA 08/12

ÂNGELO RODRIGUES, 70 anos

CALIFÓRNIA
ENACIR MARIA CARDOSO, 53 anos

JANDAIA DO SUL 08/12

MARIA DO ROSARIO DE SOUZA BORGES, 50 anos

MEGA SENA

CONCURSO 1883 · 07/12/2016

16 27 28 47 59 60